Jovens talentos enchem Auditório de Albufeira

Jovens talentos enchem Auditório de Albufeira

439
PARTILHE
Festival de Artes
Carlos Silva e Sousa, presidente da Câmara de Albufeira, entregou o 1º prémio a Juliana Boyko

O Auditório Municipal de Albufeira recebeu no passado sábado duas dezenas de talentos, crianças dos 6 aos 11 anos (vertente infantil) e jovens com idades compreendidas entre os 12 e os 17 anos (vertente juvenil), que encantaram o júri com os seus desempenhos cheios de beleza, ritmo e cor.

Entre os mais pequeninos, a modalidade que se distinguiu foi sem dúvida a dança. A grande vencedora foi a Companhia de Dança do Algarve, de Faro, com Juliana Boyko a dançar “Alegre Polka”. O segundo lugar foi atribuído à FUETE, a Companhia de Dança de Albufeira, com as “Tap Sisters” (Laura Oliveira, Leonor Barreto, Luísa Gomes, Maria Matos, Inês Dionísio, Filipa Conduto, Victória Bárbara e Carolina Zhu) a executaram um excelente número de Sapateado. O terceiro lugar foi para Altura, para o Grupo de Dança ARUTLA (Sara André, Mariana Pena, Sara Alexandre, Jéssica Cavaco, Maria Fernandes, Inês Fernandes, Cristina Nikityuk, Carolina Rodrigues, Margarida Afonso, Inês Salas, Adriana Lopes e Catarina Viegas) que convenceram o júri com a dança “Maré e Tu”.

Na vertente juvenil, os instrumentos “fizeram-se ouvir mais alto”, com o primeiro lugar a ser entregue a José Nuno Matias, de Aljezur, que com o seu violino interpretou eximiamente “Árias Ciganas-Serasate). O segundo lugar voltou a ser arrebatado pela FUETE – Academia de Dança de Albufeira, com a Dança “Baile de Máscaras” a fazer reviver outros lugares no desempenho de Valéria Kosenko, Jéssica Saraiva, Maeli Contat, Alexandra Stock, Kátia Oliveira, Catarina Coelho, Inês Costa, Mariana Santos, Diana Rodrigues, Sofia Marcelino, Joana Bilro, Francisca Soares, Melissa Afonso e Olga Butenko. O terceiro lugar foi entregue a Francisco Afonso Monteiro, de Portimão, que ao som do acordeão interpretou “French Touch, de Richard Galliano, e After you`ve gone, de Henry Creamer.

O júri, composto por músicos, cantores, actores, agentes e produtores artísticos, professores e dirigentes associativos, também esteve de parabéns pela difícil tarefa de seleccionar os melhores candidatos entre jovens cheios de talento e ambição de ganhar.

Facebook Comments

Comentários no Facebook