Alerta para “focos de sarna” nas cadeias

Alerta para “focos de sarna” nas cadeias

350
PARTILHE
O ácaro Sarcoptes scabie (na imagem) é o parasita responsável pela sarna
O ácaro Sarcoptes scabie (na imagem) é o parasita responsável pela sarna

O Sindicato Nacional do Corpo da Guarda Prisional alertou hoje para o aparecimento de “focos de sarna” e doenças de pele nas cadeias devido “à falta de dinheiro” para comprar desinfectantes e à sobrelotação das prisões.

Questionada pela agência Lusa sobre esta situação, a Direcção Geral de Reinserção e Serviços Prisionais (DGRSP) indicou que foi diagnosticada, há cerca de quatro semanas, “sarna exclusivamente a reclusos de um único estabelecimento prisional “.

Segundo a DGRSP, estes “casos pontuais foram imediatamente isolados e tratados”, em colaboração com a delegação de saúde local, encontrando-se a situação clinicamente resolvida.

O que é a sarna

- Pub -

Associada a uma deficiente higiene a escabiose ou sarna é uma doença parasitária, causada pelo ácaro Sarcoptes scabie, transmitida pelo contacto directo entre pessoas ou pelo uso de roupas de pessoas infectadas que transportem o agente responsável pela doença.

É uma doença contagiosa cujo parasita escava túneis sob a pele onde a fêmea deposita ovos que eclodirão ao fim de 7 a 10 dias dando origem a novos parasitas.

Responsável por comichão intensa – o principal sintoma da doença – a lesão típica da sarna, dificilmente detectável, é um pequeno trajecto linear pouco elevado, da cor da pele ou ligeiramente avermelhado e que corresponde aos túneis sob a pele.

(com Agência Lusa)

Facebook Comments

Comentários no Facebook