Socialistas preocupados com a situação social

Socialistas preocupados com a situação social

315
PARTILHE
António Eusébio está preocupado com as questões sociais na região
António Eusébio está preocupado com as questões sociais na região

O PS/Algarve mostra-se “preocupado com a situação social na região”, depois de uma análise que levou o líder regional socialista António Eusébio e o deputado eleito pelo partido na região, Miguel Freitas, à Associação de Reformados, Pensionistas e Idosos de Faro (ARPI) e que incluiu uma reunião com a delegada Regional da Segurança Social, Ofélia Ramos, para se inteirarem da situação social da região, os apoios às instituições de solidariedade social e as respostas sociais ao desemprego.

A atenção de António Eusébio com a questão social na região não é de agora e de acordo com os socialistas “cerca de 45 mil as pessoas que beneficiaram de Subsídio de Desemprego (28 mil), de Subsídio Social de Desemprego (5 mil) e Rendimento Social de Inserção (12 mil) no Algarve durante o ano de 2013”, o que, referem, “dá bem a expressão da situação social da região”.

Para Miguel Freitas, “a nossa maior preocupação continua a ser o desemprego”. O deputado ao Parlamento diz que “os números continuam a ser alarmantes, correspondendo a 17,5% da população activa em Dezembro, muito mais sabendo nós que hoje há um desemprego escondido dos registos oficiais e mais de metade dos desempregados e inactivos não recebem subsídios ou estão mesmo fora do sistema”.

Este fenómeno do desemprego, particularmente de longa duração, está associado à redução de procura em creches e em respostas de centros de dia e apoio domiciliário, pois muitas pessoas que ficam agora em casa, sem expectativa de encontrarem emprego, optam por tirar os seus filhos e os seus pais das referidas instituições, refere a nota de imprensa do PS.

- Pub -

Um regresso a casa que, diz o parlamentar do PS/Algarve “não é desejado, é forçado por razões de degradação da situação financeira das famílias e não corresponde a maior conforto, mas sim a um enorme desalento para desempregados, pais e filhos”.

António Eusébio exige mais apoios

O Presidente do PS Algarve considera “realmente muito preocupante a situação social na região e exige mais programas activos de emprego”. O líder socialista regional reforça a ideia dando exemplos como “a renovação do programa Formação Algarve para o próximo biénio e a extensão à região do passaporte emprego”.

Na visita à ARPI, refere o PS, esteve também Luís Graça, presidente da secção concelhia de Faro do PS. Na ocasião foi apresentado o projecto para a construção do novo lar de terceira idade, no concelho de Faro, tendo ficado o compromisso dos socialistas, na presença de toda a direcção, de questionar o Governo sobre novos investimentos em equipamentos sociais no próximo programa comunitário, critérios de elegibilidade e défice de camas na região.

Facebook Comments

Comentários no Facebook