Estudo de mobilidade do Algarve Central vai ser apresentado em Olhão

Estudo de mobilidade do Algarve Central vai ser apresentado em Olhão

239
PARTILHE
Biblioteca Municipal de Olhão
Propostas finais do Estudo vão ser apresentadas na Biblioteca Municipal de Olhão

A Biblioteca Municipal de Olhão vai acolher na próxima sexta-feira, pelas 14.30 horas, o Seminário de Apresentação do “Estudo de Mobilidade Interurbana do Algarve Central”.

O seminário foi organizado pelos seis municípios que constituem o Algarve Central (Albufeira, Faro, Loulé, Olhão, S. B. de Alportel e Tavira) e tem por objectivo apresentar as propostas finais do “Estudo de Mobilidade Interurbana do Algarve Central”.

A abrir sessão vão estar o presidente da Câmara de Olhão, António Pina, a dar as boas vindas aos participantes, e o presidente da Associação de Municípios do Algarve (AMAL) Jorge Botelho, que vai falar sobre a importância do Estudo, tema central do evento.

Segue-se a apresentação das principais propostas no âmbito do “Estudo de Mobilidade Interurbana do Algarve Central” pela equipa responsável pela sua elaboração, constituída por João Figueira de Sousa e Maria João Silveira. Irão ainda ser abordados os seguintes temas: Financiamentos do próximo Quadro Comunitário de Apoio (QCA) para a área da mobilidade e transportes na região e Planeamento e Financiamento de projectos Intermunicipais de Transportes.

- Pub -

Para a sessão de encerramento foi convidado o secretário de Estado das Infra-estruturas, Transportes e Comunicações, Sérgio Monteiro (a confirmar) que se pretende venha abordar a questão do quadro legal na área dos Transportes e as possíveis repercussões na organização do sector na região.

Conforme refere a Câmara de Albufeira em nota de imprensa, “o Estudo implica uma estratégia que visa a implementação de um sistema integrado que fomente a articulação entre os vários modos de transporte, garanta a melhoria das condições de mobilidade da população, o incremento da sua qualidade de vida e a inclusão social. A estratégia pressupõe a criação de uma autoridade regional com responsabilidades a nível do planeamento e gestão do sistema de mobilidade e transportes no Algarve”.

De salientar o carácter inovador do Estudo pela escala adoptada (intermunicipal), bem como por se tratar de um trabalho de parceria entre vários municípios, envolvendo os respectivos Executivos e técnicos municipais. Refira-se, ainda, que o trabalho foi apoiado pelo PO Algarve 21, no âmbito das Redes Urbanas para a Competitividade e Inovação.

Facebook Comments

Comentários no Facebook