ALGAR termina Verão com balanço positivo

ALGAR termina Verão com balanço positivo

235
PARTILHE
Medidas adoptadas pela ALGAR alcançaram os resultados positivos pretendidos
Medidas adoptadas pela ALGAR alcançaram os resultados positivos pretendidos

A ALGAR começou a traçar a sua estratégia para o Verão em Maio passado, em colaboração estreita com os responsáveis e técnicos dos 16 Municípios do Algarve, de que resultaram reuniões e definição de procedimentos operacionais a garantir na região nesta época sazonal.

Segundo refere em nota de imprensa, “várias medidas foram equacionadas e adoptadas pela ALGAR, em particular no reforço dos recursos humanos e operacionais para assegurar a qualidade na prestação do serviço de recolha dos resíduos de embalagens recicláveis que lhe é reconhecida. Também o aumento do número de viaturas para a recolha selectiva, a garantia de apoio operacional externo na prestação de serviços para a recolha de ecopontos e, o recurso à contratação de mão-de-obra temporária para além do incremento do número de contentores por ecoponto para maior facilidade de deposição dos munícipes, foram outras decisões tomadas pela ALGAR que permitiram os resultados obtidos”.

“Paralelamente foi reforçado o serviço de recolha no pequeno comércio e serviços e realizadas campanhas de sensibilização ambiental, tendo a ALGAR investido em publicidade na imprensa regional, apelando à colaboração da população para que mesmo durante as férias fizessem separação dos resíduos de recicláveis”, explica.

Os automobilistas também foram alvo de uma campanha específica. A empresa distribuiu um folheto de sensibilização, alertando que muitas das viaturas neste período, por estarem estacionadas junto aos ecopontos, inviabilizam o acesso, impossibilitando a recolha dos resíduos recicláveis existentes nos mesmos.

- Pub -

Finalizada a época alta, a ALGAR fez um balanço e verificou que o esforço de planeamento e as acções desenvolvidas conseguiram os resultados positivos pretendidos.

“O número de contentores recolhidos aumentou 10%, verificou-se um crescimento de 5% nas quantidades de resíduos de embalagens recicláveis recolhidos nos ecopontos comparativamente com o período homólogo de 2013 (Junho a Agosto) e o número de reclamações recebidas sofreu um acentuado decréscimo (46%)”, revela.

“Estes indicadores reflectem de forma positiva o sucesso do plano de acções posto em prática atempadamente, tendo-se contudo presente que ambicionamos melhorar cada vez mais”, conclui.

 

Facebook Comments

Comentários no Facebook