Makro ajuda ‘Aldeias de Crianças SOS Portugal’

Makro ajuda ‘Aldeias de Crianças SOS Portugal’

273
PARTILHE
Desenho vencedor do Concurso infantil de Postais de Natal
Desenho vencedor do Concurso infantil de Postais de Natal

A Makro, filial portuguesa do grupo alemão Metro, organizou o VII Concurso Infantil de Postais de Natal, dirigido aos filhos dos seus colaboradores, tendo como objectivos a selecção do postal de Natal oficial da Makro Portugal para 2014 e apoiar uma instituição de solidariedade social, tendo sido eleita as “Aldeias de Crianças SOS Portugal”.

Pelos desenhos recebidos no âmbito desta iniciativa, a Makro realizou uma contribuição de 500 euros às “Aldeias de Crianças SOS Portugal”. Segundo refere em nota de imprensa, “a premissa era proporcionar às crianças participantes, entre os 6 e os 14 anos, e respectivas famílias, uma oportunidade de explicarem o seu conceito sobre o que é o Natal e poderem ser solidárias, numa altura em que a generosidade atinge o seu expoente máximo. Para além disso, o vencedor teve direito a um fim-de-semana na Eurodisney com a família, para além de ver o seu desenho incluído no Postal de Natal electrónico da marca”.

Makro lança concurso infantil de postais de Natal

O tema do concurso deste ano foi o Natal na Makro visto através dos olhos de uma criança. A ideia era que os pequenos participantes imaginassem e depois criassem um desenho alusivo ao Natal ligado à Makro. Os temas podiam ser variados, desde decorações de Natal, à forma como os colaboradores das lojas partilham esta data ou até como o Pai Natal faz as suas compras nas lojas Makro.

- Pub -

“Na Makro defendemos que a Responsabilidade Social deve ser um pilar bem sustentado, pelo que nos orgulhamos de desenvolver este tipo de iniciativas que apelam à criatividade e generosidade entre os filhos dos nossos colaboradores e ajudam quem mais precisa. Assim, acreditamos que o Concurso Infantil de Postais de Natal para filhos de colaboradores da Makro é uma boa oportunidade para os mesmos transmitirem aos seus filhos o compromisso de responsabilidade e de partilha para com a sociedade”, referiu Isabel Caeiro, Corporate Communication, PR & CSR da Makro Portugal.

A “Aldeias de Crianças SOS Portugal” foi pioneira numa abordagem de um modelo familiar de acolhimento a longo prazo para crianças órfãs e abandonadas. O modelo familiar das Aldeias de Crianças SOS assenta em quatro princípios: cada criança necessita de uma mãe, cresce com os seus irmãos e irmãs, na sua própria casa e de interacção com o seu meio envolvente e num ambiente de ajuda mútua na Aldeia SOS.

A Associação foi fundada, em 1949 por Hermann Gmeiner, na altura da II Guerra Mundial, devido à profunda necessidade de dar aos órfãos da guerra e às crianças abandonadas a protecção de um lar e de uma família. A Associação trabalha no sentido de defender que cada criança deve pertencer a uma família e crescer com amor, respeito e segurança.

Mais de 500 Aldeias de Crianças SOS em todo o mundo oferecem um lar a 60 mil crianças. A Associação das Aldeias de Crianças SOS Portugal foi fundada em 1964 e é uma Instituição Particular de Solidariedade Social (IPSS), reconhecida como pessoa colectiva de Utilidade Pública. Depois de 50 anos em Portugal já passaram pelas Aldeias SOS mais de 500 crianças e hoje, as Aldeias de Crianças SOS dão amor e um lar a 125 crianças e apoiam através do Programa de Fortalecimento Familiar mais de 70 crianças em situação de risco. Através da sua Loja Solidária ajudam mais de 80 crianças em situações de carência económica.

Facebook Comments

Comentários no Facebook