Faro promete um 2015 Cultural invejável

Faro promete um 2015 Cultural invejável

572
PARTILHE
O teatro Lethes apresentou a programação anual da sala recentemente
O teatro Lethes apresentou a programação anual da sala recentemente

Faro apresenta-se este ano com uma oferta cultural a que a cidade se desabituou nos últimos anos. Quem garantiu alguma cadência efectiva na programação cultural regular e estruturada na cidade durante 2013 e 2014, pelo menos, foi A ACTA, através da gestão que exerce do Teatro Lethes. Disso mesmo dava nota o Cultura.Sul em Janeiro do passado ano, num reconhecimento devido à sala que garantia o grosso da programação cultural da cidade então.

Este ano não será assim, a julgar pela programação já conhecida do Teatro Municipal de Faro, mas o que é facto é que a recentemente apresentada programação do Lethes mantém a cadência e o rigor a que Luís Vicente já nos habituou.

Por detrás de uma programação estruturada está a experiência de Luís Vicente, responsável pela ACTA e pela gestão da sala mais antiga da cidade
Por detrás de uma programação estruturada está a experiência de Luís Vicente, responsável pela ACTA e pela gestão da sala mais antiga da cidade

Desta feita, ao Lethes apresentou a programação para o ano de 2015, inteira, demonstrando coerência, capacidade de determinar o que se faz a um ano de distância e, acima de tudo, capacidade de oferecer um programa completo, versátil e estruturado ao público, que naturalmente agradece.

Alguns dos destaques da programação do Lethes para este ano vão para a entrada em cena de ‘Os Silêncios de Sara’, até dia 31, teatro pela mão da ACTA – A Companhia de Teatro do Algarve, com Tânia da Silva a dar voz e expressão ao monólogo.

- Pub -

Em Fevereiro, o projecto VATe – serviço Educativo da ACTA, conta com a arte de Elisabete Martins e Nuno Silvestre para repor ‘Um Pequeno Príncipe’, a partir da obra de Saint-Exupéry, enquanto que as tábuas serão ocupadas nos dias 13 e 14 pelo TEMPO – Grupo de Teatro de Portimão, com a peça ‘O Caracol’, e no dia 20 por ‘Os Lusíadas’, uma criação e interpretação de António Fonseca.

A 21 de Fevereiro é a vez do Cendrev trazer ao Lethes uma peça teatral ‘Onde é que eu já vi isto, Perguntou ele’.

Os dias 27, 28 e 29 de Março garantem ao público, sob direcção de Paulo Moreira, a apresentação da peça ‘Os Emigrantes’, pela ACTA, que regressa ao mesmo palco mais quatro dias em Abril. ‘Cont(opias)’ é a proposta teatral de Serafim para o dia da revolução, 25 de Abril.

O teatro regressa ao Lethes em Maio com ‘Um Picasso’, pela Companhia de Teatro de Braga e, em Maio, a ACTA repõe ‘à Espera de Godot’ sob a batuta do mestre Luís Vicente e um elenco que conta com vários actores.

Imagem da peça Radio Cabaré do teatro das Beiras
Imagem da peça Radio Cabaré do teatro das Beiras

O primeiro semestre encerra-se com ‘Rádio Cabaret’ numa proposta do Teatro das Beiras e com uma parceria entre a ACTA e a APATRIS 21, sob o título ‘Viagens’.

Agosto faz regressar o teatro à mítica sala farense com Luís Vicente e ‘Nossa Senhora da Açoteia’ a que se segue ‘O Adeus’, já no mês de Setembro.

Setembro é, também, o mês escolhido para o Lethes acolher o Ciclo de Teatro Espanhol, onde se poderá ver ‘Camino del Paraiso’, ‘Adúlteros’ e ‘Wangari La Niña Arból’, enquanto o décimo mês do ano é o tempo reservado ao Encontro Nacional de Teatro Universitário – ENTU.

O teatro com base na obra de Lídia Jorge invade o Lethes em Novembro com ‘Instruções para Voar’ e Dezembro faz regressar o VATe, com ‘Mãezinhas’.

Muito mais do que teatro

Mas há muito mais para ver no Lethes neste 2015. O jazz ocupa espaço de destaque na programação, com Yessister, JazzSister, João Hasselberg, no Dia Internacional do jazz, a voz inconfundível de Paula Oliveira, acompanhada por Luiz Avellar em ‘Mistura Fina’ e Luís Miguel Peaceful Retaliation Group.

Respectivamente as quatro vozes femininas do jazz apresentam-se em Fevereiro, Hasselberg sobe ao palco do Lethes a 30 de Abril no âmbito de ‘Os Dias do Jazz’, enquanto ‘Mistura Fina’ canta e encanta em Setembro, com a temporada de jazz a fechar em Dezembro pela mão de Luís Miguel Peaceful Retaliation Group.

Teresa Viola leva o fado até ao Lethes
Teresa Viola leva o fado até ao Lethes

Ainda na área da música, espaço para o Fado com Teresa e Pedro Viola, no início de Fevereiro, e para a 4ª Gala do Fado da Associação de Fado do Algarve a 31 de Maio, e para ouvir o som da guitarra pela mão de Marta Pereira da Costa, no final de Fevereiro, e ainda, com as actuações da Orquestra Juvenil de Guitarras do Algarve e do Quarteto Concordis, respectivamente em Julho e Outubro.

Mila Ferreira vai marcar presença no Lethes com a música francesa
Mila Ferreira vai marcar presença no Lethes com a música francesa

Finalmente e para que na agenda não falte nada, lugar de destaque para o Fes¬tival Internacional de Blues de Faro, que tem data marcada para 22 e 23 de Maio, para a interpretação de Mila Ferreira em ‘Bonsoir Paris’ e para Lara Martins & João Paulo Santos em ‘Da Opereta ao musi¬cal’, espectáculos previstos para Março.

Carlos Mendes vem a Faro celebrar 50 anos de carreira em Julho, com ‘A Festa da Vida’, Ana Ester Neves e Raquel Correia contam e cantam ‘Memórias de um percurso’ a 24 de Outubro e no dia 5 de Dezembro o palco é de ‘Esfinge – Projecto mitológico’. O Concerto de Natal encerra a programação musical do Lethes para 2015.

Assinale-se um musical na programação de 2015 do Lethes, ‘A Terra Prometida’ sobe à cena em Março, numa interpretação do Grupo da Igreja Evangélica Portuguesa. 

Dança no Lethes

A dança não fica de fora da programação do Lethes em 2015. Seis momentos marcam a presença desta forma de arte na sala farense, a começar com a actuação de Filipa Rodriguez no Dia Mundial da Dança, a 29 de Abril, a que se segue Francisco Lucas Pires e Alma Palacios, com ‘Libretto’ em Maio.

Filipa Rodriguez regressa no início de Junho com ‘Formosa é a Ria’, e em Julho com o Espectáculo Final do Ano Lectivo 2014/2015. Elsa Palmeira e Ballet Encantado trazem a 25 de Julho ao Lethes ‘Viver a Dança, Dançar a Vida’ e Boba Suicida fecha o pano no segmento com ‘Trovoada’ no mês de Outubro.

Finalmente um lugar de grande destaque, nesta que é uma programação recheada, para a chegada, entre os dias 15 e 21 de Junho, do FOMe – Festival de Objectos e Marionetas, um momento incontornável do calendário anual da sala algarvia. 

 

A programação do Teatro Municipal tem um início que augura um ano em cheio
A programação do Teatro Municipal tem um início que augura um ano em cheio

Teatro Municipal regressa à ribalta

Se o Lethes tem uma programação invejável para 2015, Faro conta este ano com uma programação de luxo no Teatro Municipal de Faro (TMF). Assim se constrói um ano que será marcante em termos de oferta cultural garantida pelas duas salas de espectáculos da capital da região.

Rodrigo Leão marca já este mês presença em Faro, no Teatro Municipal
Rodrigo Leão marca já este mês presença em Faro, no Teatro Municipal

Depois de ter acolhido no passado fim-de-semana o 2º Tango Fest, para dia 24 a sala tem programado um concerto de Rodrigo Leão e a 29 um concerto da Banda da GNR.

Fevereiro garante casa cheia na sala maior da cidade com a Companhia Nacional de Bailado, que traz ao Algarve ‘O Lago dos Cisnes’, numa performance acompanhada pela Orquestra Clássica do Sul, agendada para os dias 6 e 7. No dia 21, ‘Amália por Júlio Resende’ é o espectáculo em que o pianista se ‘intromete’ pelos caminhos do Fado, enquanto Dino D’Santiago actua no dia 28.

São apenas destaques para os primeiros dois meses de programação do TMF e antecipam uma programação forte da sala farense para o ano que agora começa, uma programação que se espera tenha a força de outros momentos e mesmo a ultrapasse a bem de uma agenda cultural capaz de satisfazer os mais diversos públicos e garantir a entretanto amornada aposta na formação de novos públicos.

Só assim Faro poderá regressar aos circuitos artísticos nacionais como cidade destino daqueles que fazem da arte o seu mister e garantir aos farenses e aos algarvios em geral propostas de qualidade e diversidade dignas da cidade e da região e, acima de tudo, dos públicos.

Facebook Comments

Comentários no Facebook