Tavira antecipa pagamento de empréstimo do PAEL

Tavira antecipa pagamento de empréstimo do PAEL

419
PARTILHE
Pagamento antecipado permitiu à autarquia tavirense uma poupança anual, em juros, de 180 mil euros
Pagamento antecipado permitiu à autarquia uma poupança anual, em juros, de 180 mil euros

A Câmara de Tavira procedeu, por antecipação em relação ao fim do prazo, ao pagamento total do empréstimo feito ao abrigo do Programa de Apoio à Economia Local (PAEL). O contrato de empréstimo foi visado pelo Tribunal de Contas, em 2013, tendo o valor final aprovado sido de 1 milhão, 165 mil e 078 euros.

O prazo definido para a liquidação da dívida do PAEL, em prestações semestrais, foi o ano de 2020. No entanto, procedeu-se agora à amortização de 839 mil e 290 euros.

O pagamento antecipado permitiu à autarquia uma poupança anual, em juros, de 180 mil euros.

Segundo avança em nota de imprensa, o executivo avançou com esta medida, “uma vez que não possui qualquer dívida de curto prazo e foi possível englobar o valor da amortização no orçamento de 2015. Além disso, este pagamento representa uma redução significativa da dívida total do Município”.

“A concretização deste pagamento deve-se, sobretudo, ao facto do executivo camarário ter desenvolvido esforços no sentido de conter a despesa nestes últimos anos, o que possibilita uma actual saúde financeira adequada à realidade do concelho”, acrescenta.

Durante este período, a Câmara Municipal procedeu ao pagamento de algumas centenas de facturas em dívida aos fornecedores locais e regionais, injectando o montante aprovado na economia local e regional, contribuindo assim para que os empresários fossem ressarcidos dos valores em dívida e possibilitando a manutenção de postos de trabalho.

O PAEL tinha como objectivo a regularização do pagamento de dívidas vencidas há mais de 90 dias, sendo que a sua celebração não podia conduzir ao aumento do endividamento líquido do Município, conforme estabelecido na Lei das Finanças Locais.

Facebook Comments

Comentários no Facebook