PCP/Algarve com reservas quanto ao sistema de transferência de doentes

PCP/Algarve com reservas quanto ao sistema de transferência de doentes

553
PARTILHE
9088438803_ed851b8d53_z
Para o PCP regional a transferência de doentes não é solução definitiva para os problemas do CHA, nomeadamente, na área de ortopedia

O novo Conselho de Administração do Centro Hospitalar do Algarve (CHA), em articulação com o Ministério da Saúde, anunciaram recentemente ter encontrado uma “solução para o problema”, com o reencaminhamento dos utentes de ortopedia do Algarve para Lisboa e Setúbal.

O PCP / Algarve considera não se tratar de uma ‘solução’, uma vez que essa prática já existia por falta de resposta dos serviços no Algarve.

Em comunicado, a estrutura regional do partido refere que a falta de meios humanos e materiais no CHA não se resume apenas ao serviço de ortopedia, e garante que a perda de valências hospitalares no Algarve não se resolve com a transferência de doentes, para outras regiões ou para o sector privado mas sim com um sério investimento no Serviço Nacional de Saúde, de forma a que seja possível repor as necessidades de meios e materiais em falta para uma eficaz resposta à população algarvia.

Facebook Comments

Comentários no Facebook