Alunos de São Brás criam projecto para prevenir incêndios no concelho (com...

Alunos de São Brás criam projecto para prevenir incêndios no concelho (com vídeo)

620
PARTILHE
O trabalho desenvolvido pelos alunos consiste no estudo e criação de duas estações para avaliação das condições climatéricas e grau de progressão de um incêndio
O trabalho desenvolvido pelos alunos consiste no estudo e criação de duas estações para avaliação das condições climatéricas e grau de progressão de um incêndio

“Serra do caldeirão na nossa mão” é o nome do projecto desenvolvido pelos alunos dos 1º e 2º anos do Curso Profissional de Técnico de Gestão e Programação de Sistemas Informáticos, do Agrupamento de Escolas José Belchior Viegas, de São Brás de Alportel, no âmbito do concurso “Ciência na Escola”.

Prevenir e monitorizar os fogos florestais no concelho é o objectivo do projecto, que contou com a colaboração da Protecção Civil Municipal, dos Bombeiros Voluntários de São Brás de Alportel e da Universidade do Algarve.

O trabalho desenvolvido pelos alunos consiste no estudo e criação de duas estações, uma fixa e outra móvel, para avaliação das condições climatéricas e grau de progressão de um incêndio.

O dispositivo móvel reúne vários tipos de sensores como CO2, temperatura, pressão atmosférica, humidade e velocidade do vento. Todos estes sensores foram testados num aeródromo, com o objectivo de verificar a fiabilidade dos sensores a grandes altitudes (750 metros de altitude máxima de lançamento).

- Pub -

O dispositivo fixo reúne os sensores de fumo, temperatura, pressão atmosférica, humidade, velocidade do vento, direcção do vento e pluviosidade.

O dispositivo fixo foi montado num ponto estratégico do concelho, onde se verificou a acuidade da comunicação wireless entre a estação remota e a base (situada na escola secundária) e se averiguou se a aplicação web recebia todos os dados, tendo-se confirmado que todos os sensores funcionaram convenientemente.

Clique na imagem para ver o vídeo:

Alunos de São Brás de Alportel criaram projecto para prevenção e monitorização de incêndios no concelho
Alunos de São Brás de Alportel criaram projecto para prevenção e monitorização de incêndios no concelho

A capacidade de comunicação da estação com a base está testada para uma distância até 40 quilómetros, o que garante a sua funcionalidade e fiabilidade em todo o território do município de São Brás de Alportel.

Esta estação meteorológica fixa é energeticamente autónoma, alimentada a partir de dois sistemas, solar e eólico, e pode ser replicada e colocada em pontos estratégicos do município, permitindo a monitorização, em tempo real, quer para prevenção de incêndios, quer para o fornecimento de dados privilegiados, em situação de combate aos incêndios.

Facebook Comments

Comentários no Facebook