SEF identifica 10 cidadãos estrangeiros a trabalhar ilegalmente em Tavira

SEF identifica 10 cidadãos estrangeiros a trabalhar ilegalmente em Tavira

517
PARTILHE
Foram identificados 60 cidadãos estrangeiros que se faziam transportar em carrinhas, com destino a explorações agrícolas e estaleiros de construção civil, dos quais 10 se encontravam em situação irregular

O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) desencadeou, na madrugada de dia 27 para 28, uma operação de fiscalização na área de Tavira, no âmbito da missão de controlo da permanência e actividade de cidadãos estrangeiros em Portugal.

Foram identificados 60 cidadãos estrangeiros que se faziam transportar em carrinhas, com destino a explorações agrícolas e estaleiros de construção civil, dos quais 10 se encontravam em situação irregular, tendo sido notificados para abandono voluntário de Território Nacional.

A operação foi levada a cabo com a colaboração da GNR e PSP locais, com os envolvidos distribuídos por cinco pontos de controlo ao longo da EN125 circundante à cidade de Tavira.

Com vista à prevenção e combate à utilização da actividade de estrangeiro em situação ilegal, bem como ao auxílio à imigração ilegal e ao tráfico de pessoas, o SEF tem vindo a intensificar acções de fiscalização dirigidas às actividades económicas que nesta altura do ano têm maior expressão na região do Algarve e que possam ser potenciadoras deste tipo de ilícitos.

Facebook Comments

Comentários no Facebook