Polícia Marítima sensibiliza olhanenses para cães à solta na ilha da Armona

Polícia Marítima sensibiliza olhanenses para cães à solta na ilha da Armona

668
PARTILHE
Foram fiscalizados seis cães, dos quais, cinco se encontravam na presença dos donos

O Comando-local da Polícia Marítima de Olhão desenvolveu esta terça-feira, dia 28 de Junho, em conjunto com a Câmara de Olhão (Veterinário Municipal), uma operação com o objectivo de sensibilizar os utentes da ilha da Armona, para a problemática dos animais.

Esta operação surgiu no seguimento de diversas queixas sobre cães com donos e que andam soltos naquela ilha, indo contra a lei, e incomodando a vida quotidiana de quem ali vive.

Foram fiscalizados seis cães, dos quais, cinco se encontravam na presença dos donos. Não foram, de imediato, detectadas infracções, mas houve necessidade de notificar para apresentação da documentação dos animais. O sexto animal, trata-se de uma cão que habitualmente permanecia na Ilha, aparentemente abandonado e sobre o qual há suspeita de ter mordido uma cidadã, na semana passada. O animal foi recolhido pelo veterinário municipal e transportado para as instalações apropriadas.

A operação incidiu na zona habitacional da Ilha, em policiamento ambulante e, especialmente, na envolvente ao cais de embarque/desembarque e zona de atividade de comércio, onde se tem verificado maior presença de animais sem estarem acompanhados dos responsáveis, sendo aqui onde se concentra igualmente um numero elevado de pessoas, quer para uso balnear da praia aqui existente, quer para embarque e desembarque e utilização dos equipamentos de restauração e bebidas aqui existentes.

- Pub -

Foi ainda efectuada fiscalização à chegada da uma embarcação de transporte de passageiros para Ilha, não se tendo verificado a presença de animais.

Facebook Comments

Comentários no Facebook