Chamas devoram Monchique mas estão “a ceder”

Chamas devoram Monchique mas estão “a ceder”

644
PARTILHE
Chamas na única frente activa estão a ceder, diz a Autoridade Nacional de Protecção Civil

Passaram de 132 para 144 o número de pessoas envolvidas no efectivo que combate o incêndio que deflagrou cerca das 17 horas na Serra de Monchique, no lugar de Foz do Farelo.

O fogo tem uma frente activa que está a ceder à intervenção dos soldados da paz.

As labaredas requerem ainda a participação no combate de 48 viaturas (eram anteriormente 37), de acordo com os últimos dados disponíveis, veiculados à menos de meia hora pela Autoridade Nacional de Protecção Civil (ANPC).

O único fogo que lavra no Algarve teve até a luminosidade permitir o apoio a combate de seis meios aéreos e está a ser acompanhado pelo presidente da Câmara local, Rui André.

- Pub -

Esta ocorrência é de momento a única considerada como “significativa” pela ANPC em todo o país.

Facebook Comments

Comentários no Facebook