José de Guimarães mostra ‘Esconjurações’ no Museu Municipal de Faro

José de Guimarães mostra ‘Esconjurações’ no Museu Municipal de Faro

554
PARTILHE
Exposição vai ser inaugurada na próxima sexta-feira, pelas 18.30 horas

A exposição “Esconjurações na Colecção Millennium bcp e noutras obras de José de Guimarães” vai ser inaugurada na próxima sexta-feira, dia 29, pelas 18.30 horas, no Museu Municipal de Faro.

Trata-se de uma iniciativa da Fundação Millennium bcp, em parceria com o Município de Faro.

“Esconjurações” reúne um significativo núcleo de obras de José de Guimarães pertencentes à colecção Millennium BCP, realizadas em suporte muito distinto, em particular um raro e surpreendente conjunto de tapeçarias de Portalegre de grandes dimensões que podem ser vistas pelo público, pela primeira vez, no Museu Municipal.

São ainda mostradas obras de luz com néon e LED de vários períodos do percurso do autor, caixas-relicário que dialogam com peças da colecção de arte africana que vem reunindo desde há décadas e, ainda, esculturas de grandes dimensões que dão corpo ao perturbante sincretismo prosseguido pelo artista desde os anos 1960.

- Pub -

José de Guimarães nasceu em Novembro de 1939 na cidade-berço, tendo adoptado o nome artístico em homenagem à sua terra natal. A sua passagem por Angola, durante o serviço militar, é marcante na sua obra, não deixando de contar com referências da pintura internacional europeia que vigorava nos anos 60. Ganha notoriedade depois de expor em Antuérpia, graças aos trabalhos que dedica a Rubens. Nas décadas mais recentes, a produção artística de José de Guimarães é dominada por temas como a morte e a espiritualidade e o seu nome entra nos principais circuitos expositivos do país, nomeadamente na Gulbenkian e Serralves. Tem vindo, também, a responder a convites para intervenções em espaço público em Portugal e no estrangeiro.

“Esconjurações” estará patente ao público até dia 11 de Setembro, podendo ser visitada de terça-feira a sexta-feira, entre as 10 e as 19 e aos sábados e domingos, entre as 11.30 e as 18 horas.

Facebook Comments

Comentários no Facebook