Quinta da Ombria Hotel já tem director financeiro e é farense

Quinta da Ombria Hotel já tem director financeiro e é farense

472
PARTILHE
Nascido em Faro, Aníbal Moreno é licenciado em Gestão pela ESGHT – Universidade do Algarve

A Quinta da Ombria Hotel, Spa & Golf Resort acaba de nomear Aníbal de Sousa Moreno como director financeiro do luxuoso resort de cinco estrelas, localizado entre as aldeias da Tôr e de Querença, e que contará já em 2018 com o primeiro hotel da cadeia Viceroy Hotels & Resorts em toda a Europa.

“Foi com muito gosto que aceitei este novo desafio”, afirma Aníbal Moreno, o recém-nomeado director financeiro da Quinta da Ombria Hotel, Spa & Golf Resort.

Nascido em Faro, Aníbal Moreno é licenciado em Gestão pela ESGHT – Universidade do Algarve e conta com uma consolidada experiência profissional e, para além de ter desempenhado funções autárquicas, assumiu também diferentes cargos de Administração ao longo do seu trajecto.

Aníbal Moreno desempenhou o cargo de administrador da empresa Orgainvest – Gestão de Investimentos, S.A, entre 1984 e 2010, e, em simultâneo, foi técnico oficial de contas no Gabinete de Contabilidade ORGA, em Almancil. Entre 2009 e 2013 foi mandatado vereador da Câmara de Loulé e desde 2014 que presta serviços de Consultoria no Grupo MONERIS.

- Pub -

Para além disto, Aníbal Moreno foi também instrutor da Dale Carnegie Training (organização com origem nos Estados Unidos da América), integrou vários anos o Executive Board da CH International, assumindo a sua presidência entre 2004 e 2005. Foi ainda presidente da Direcção da Associação Empresarial de Almancil, entre 1998 e 2007.

“A área financeira é essencial para a boa saúde de qualquer empresa. E, nesse sentido, a contratação do Aníbal Moreno surge da consciência de que, para um projecto desta dimensão, necessitávamos de alguém com este perfil”, explica Julio Delgado, CEO da Quinta da Ombria Hotel, Spa & Golf Resort.

A nomeação de Aníbal Moreno é já a terceira da Quinta da Ombria Hotel, Spa & Golf Resort para cargos de direcção desde o início do ano, comprovando que o projeto se encontra cada vez mais próximo do seu lançamento oficial.

O empreendimento turístico situado no interior do concelho de Loulé, cujo primeiro projecto tem quase três décadas, tem data de abertura marcada para 2018 num investimento total de 210 milhões de euros.

O projecto inclui um hotel de cinco estrelas, um campo de golfe com 18 buracos, um ‘club house’, restaurantes e bares de apoio, um spa e aldeamentos turísticos de 4 estrelas “todos integrados como uma zona contígua de lazer e bem-estar inseridos numa paisagem natural única” do interior algarvio.

Em Novembro de 2014, a cadeia norte-americana Viceroy Hotels & Resorts adoptou o projecto fazendo-lhe algumas alterações para o integrar melhor na paisagem, criando uma aldeia em toda a envolvência, explicaram os responsáveis à agência Lusa em 2015.

“Se formos ao local poderemos verificar que as infraestruturas estão já em desenvolvimento há largos meses, encontrando-se aprovada por todas as entidades e com a obra da fase seguinte já a iniciar nas próximas semanas”, acrescentaram, sublinhando que a consulta pública se debruça exclusivamente sobre o hotel e o clube de golfe.

Facebook Comments

Comentários no Facebook