Alunos da ETIC Algarve mostram-se aos empresários da região em versão contra-relógio

Alunos da ETIC Algarve mostram-se aos empresários da região em versão contra-relógio

354
PARTILHE
Apresentar as capacidades que detêm aos empresários e empresas contratantes em tempo útil é o que se pede aos candidatos da Etic Algarve a um emprego em 30 empresas regionais.
Apresentar as capacidades que detêm aos empresários e empresas contratantes em tempo útil é o que se pede aos candidatos da Etic Algarve a um emprego em 30 empresas regionais.

Conquistar um lugar de trabalho numa empresa é um desafio que quem quer conquistar o mercado de trabalho tem de enfrentar e nada melhor do que levar a tarefa ‘a peito’ e optar por gerar as melhores condições para o sucesso deste ‘confronto’.

Exactamente por isso a ETIC Algarve, uma das escolas de formação profissionalizante de maior relevo na região, optou por no próximo dia 1 de Outubro colocar frente-a-frente candidatos das suas fileiras de jovens profissionais e empresários da região.

30 empresas algarvias vão participar numa edição de speed hunting, evento único no Algarve, organizado à semelhança dos speed dating, no qual os jovens profissionais têm de seduzir os intrépidos empresários para ganharem ‘um lugar ao Sol’.

O que é o speed hunting

Nuno Ribeiro, director da escola algarvia quer ver os seus estudantes a terem as melhores ferramentas de acesso ao mercado de trabalho apostando na criatividade, capacidade de afirmação da qualidade do saber adquirido e na relação directa com quem os quer contratar
Nuno Ribeiro, director da escola algarvia quer ver os seus estudantes a terem as melhores ferramentas de acesso ao mercado de trabalho, apostando na criatividade, capacidade de afirmação da qualidade do saber adquirido e na relação directa com quem os quer contratar
- Pub -

Após o sucesso da primeira edição, realizada em 2015, o speed hunting volta a proporcionar aos alunos finalistas e a todos os ex-alunos que frequentaram a Escola de Tecnologias, Inovação e Criação do Algarve, desde 2010, o contacto directo com empresas da região, ligadas às indústrias criativas e digitais.

De acordo com a escola “o objectivo do speed hunting é colocar alunos e ex-alunos da ETIC_Algarve frente-a-frente com players regionais das suas áreas de formação: animação & videojogos, design, fotografia, som & música, vídeo e web & comunicação, para, em apenas quatro minutos, conseguir “seduzi-los”, através da originalidade, criatividade e profissionalismo com que concebem e apresentam os seus portefólios / showreels, demonstrando assim o seu talento de uma forma que lhes permita conquistar o seu futuro profissional. Um verdadeiro namoro à velocidade  dos dias de hoje e a pedir engenho e arte na conquista do mercado de trabalho.

Para Nuno Ribeiro, director da escola, “com a organização do speed hunting, a ETICn Algarve reforça o seu compromisso em preparar os alunos para o mercado de trabalho, que inicia com a formação em si, assente na filosofia do “saber fazer, praticando” e tem a sua continuação em eventos deste cariz, facilitadores da transição entre formação e entrada no mercado de trabalho, aproximando sempre que possível alunos e empresas, promovendo simultaneamente o networking, do qual tanto se fala hoje em dia, mas ainda muito pouco praticado”.

O evento vai decorrer no próximo dia 1 de outubro, nas instalações da ETIC Algarve, no primeiro piso do Mercado Municipal de Faro.

Facebook Comments

Comentários no Facebook