Artesãos de Silves integram o Projecto TASA

Artesãos de Silves integram o Projecto TASA

465
PARTILHE
Produtos combinam as tendências do design contemporâneo, com as técnicas artesanais e os materiais da terra
Produtos combinam as tendências do design contemporâneo, com as técnicas artesanais e os materiais da terra

O Projecto TASA – Técnicas Ancestrais Soluções Actuais, da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Algarve, conta com os trabalhos de vários artesãos do concelho de Silves.

Assim, um amolador de facas feito com pedra de Grés de Silves, um conjunto de candeeiros feitos de cana e cerâmica, um suporte para colocação de vasos criado em empreita e madeira: todas estas peças foram realizadas por artesãos que integram o projecto, ao qual o Município de Silves está associado.

Inicialmente, o desafio foi lançado às autarquias, era necessário efectuar o levantamento de quais os artesãos existentes e as técnicas que cada um usava. Silves foi um dos Municípios que aceitou participar. Como resultado desse trabalho, José Teresa (Madeira), Lília Lopes (Cerâmica), Noémia Martins (Tear/), João Cabrita (Pedra) e Ana Silva (Cana) integram o novo catálogo deste projecto, que contou com a criatividade das designers Alexandra Gonçalves e Ana Rita Aguiar para mostrar como é possível combinar as tendências do design contemporâneo, com as técnicas artesanais e os materiais da terra, produzindo peças que revelam a vitalidade e a utilidade do trabalho dos artesãos.

Uma das peças criadas por um artesão silvense
Uma das peças criadas por um artesão silvense

Ao todo, 16 artesãos de Silves, Alcoutim e Loulé, em conjunto com Alexandra Gonçalves e Ana Rita Aguiar, criaram 12 novos produtos, tendo havido uma aposta nos produtos que se destinam à casa e à cozinha (como é o caso do amolador de facas), bem como na mistura de materiais. As peças podem ser adquiridas em 15 pontos de revenda em todo o país, na loja do TASA situada no Centro Histórico de Loulé e já foram exportadas para a Europa, o Japão e os Estados Unidos da América. Os interessados podem, ainda, encomendar via email (encomendastasa@gmail.com) ou ver tudo sobre o projecto no site www.projectotasa.com.

- Pub -

“A Câmara de Silves está interessada e motivada para este trabalho de dar uma nova vida às técnicas dos nossos mestres artesãos”, explica Rosa Palma, autarca local. “Temos de trazer para o quotidiano o artesanato, pois só assim ele readquire valor e espaço nas nossas casas e isso só se consegue com projectos que promovam a inovação e a criatividade, como o TASA”, defende a autarca.

A próxima fase do TASA já está em preparação, pois a CCDR do Algarve, em parceria com as autarquias da região, com o IEFP e com a Direcção Regional de Cultura, pretende dar ênfase especial à formação, educação e transmissão destes conhecimentos às gerações mais jovens.

Facebook Comments

Comentários no Facebook