Plataforma europeia pode facilitar resolução de conflitos de consumo

Plataforma europeia pode facilitar resolução de conflitos de consumo

604
PARTILHE
Cada vez mais se fazem compras através da internet
Cada vez mais se fazem compras através da internet

As compras de bens e serviços transfronteiriças através da internet e a perspectiva do seu crescimento continuado, constituem uma área importante para o desenvolvimento e aperfeiçoamento de meios de resolução alternativa de conflitos de consumo por meios electrónicos igualmente simples, rápidos e pouco onerosos, foi uma das conclusões do Seminário “O Consumidor Turista na Era Digital” que decorreu ontem em Faro, numa iniciativa dos serviços Enterprise Europe Network e Centro Europe Direct, em colaboração com o CEC – Centro Europeu do Consumidor.

Para dar resposta aos desafios da crescente dimensão digital do mercado interno da UE, foi criada a Plataforma Europeia de Litígios em Linha (RLL).

O funcionamento destes meios de resolução de conflitos de consumo assenta na disponibilização da plataforma electrónica que operacionaliza o contacto entre consumidores e comerciantes para a procura de um entendimento satisfatório com intervenção de Centros de Arbitragens de Conflitos.

O evento incluiu um período de debate e mobilizou empresários, profissionais do turismo, agentes de viagens e técnicos de organizações que lidam com questões da cidadania e consumo. As apresentações do Seminário encontram-se disponíveis no site da CCDR Algarve.

A plataforma pública europeia está disponível através da página do Centro Europeu do Consumidor: http://cec.consumidor.pt/topicos1/resolucao-de-conflitos-/resolucao-de-litigios-em-linha.aspx

Facebook Comments

Comentários no Facebook