Grupo acusado de tráfico de droga julgado por tribunal de júri no...

Grupo acusado de tráfico de droga julgado por tribunal de júri no Algarve

1200
PARTILHE

Uma dezena de arguidos acusados de associação criminosa e tráfico de droga, detidos há seis meses em Olhão, vão ser julgados por um tribunal de júri, informou esta quarta-feira o Ministério Público.

Durante a operação para deter o grupo, em Julho do ano passado, ficaram feridas três pessoas, incluindo um agente da PSP, que foi abalroado pelo veículo onde seguiam dois dos arguidos quando tentava mandar parar o condutor, ao que se seguiu um tiroteio, junto ao nó de Olhão da Via do Infante (A22).

De acordo com a acusação, entre Janeiro e Julho de 2016, o arguido que liderava o grupo – e que está em prisão preventiva, tal como outros três -, “deslocava-se de carro a Espanha, duas vezes por semana, onde adquiria cocaína e heroína”, lê-se no comunicado hoje publicado no sítio de Internet da Procuradoria da Comarca de Faro.

- Pub -

“Depois, trazia o estupefaciente para o Algarve, onde o entregava a outro arguido que, por sua vez, o levava para uma residência no Bairro Fomento da Habitação, em Olhão”, local onde a droga era acondicionada em doses individuais para ser vendida, por outros arguidos, naquele bairro.

O líder do grupo, que já tinha estado preso em cumprimento de pena, foi também acusado como reincidente, por uso de arma proibida e por resistência e coação sobre funcionário, por “ter resistido violentamente à detenção” feita pela PSP.

Além do agente da PSP, também dois arguidos sofreram ferimentos provocados por arma de fogo, durante a operação montada pelas autoridades para interceptar o grupo, que vinha de Espanha.

Facebook Comments

Comentários no Facebook