Obras do Largo de São Sebastião avançam em São Brás

Obras do Largo de São Sebastião avançam em São Brás

1255
PARTILHE
- Pub -

Este slideshow necessita de JavaScript.

A primeira fase da requalificação do Largo de São sebastião, em São Brás de Alportel, está a decorrer a bom ritmo.

Como o POSTAL testemunhou no local os trabalhos permitem já visualizar em antecipação os traços gerais do desenho final que se espraia no pavimento daquela que será a nova sala de  visitas da vila serrana.

Com Bernardo de Passos ao centro de uma espiral desenhada com recurso à pedra local, brecha, xisto e lage de calcário, o largo exibe já às novas árvores que prometem dar um importante enquadramento de verde a um espaço que antes era pautado pela ausência de plantas.

Acessos a nascente cortados para garantir ‘normalidade’ na Páscoa
IMG_4483
As rosas que decoram a calçada são montadas ao ritmo de uma e meia por dia

De momento a zona nascente e os acessos à zona histórica e à  principal avenida da vila no Largo de São Sebastião estão encerrados ao trânsito.

A razão por detrás desta situação prende-se com a necessidade de terminar as obras da área nascente da zona de intervenção desta requalificação que no total custará cerca de meio milhão de euros.

É que a Páscoa, data maior do calendário do concelho, está à porta e a autarquia quer assegurar que aquela zona, onde passa a célebre Procissão da Ressurreição inserida na Festa das Tochas Floridas, estará em condições de ser utilizada com a normalidade possível.

Ao POSTAL Vítor Guerreiro adiantou que “a intenção do município é a de inaugurar a totalidade da obra no Dia do Município, assinalado a 1 de Junho, mas que os trabalhos na zona a utilizar na procissão da Páscoa estarão terminados a tempo da sua realização”.

“Estamos a fazer todos os esforços nesse sentido”, diz o autarca, que acrescenta que “o trabalho mais demorado é a calçada artística, que é uma homenagem à tradição desta arte no concelho”.

Calçada artística do largo será a primeira em São Brás
Vítor Guerreiro aposta forte na criação de condições de mobilidade dentro do perímetro urbano de São Brás de Alportel
Vítor Guerreiro destaca que a obra será a primeira calçada artística de São Brás

A calçada artística que está a ser colocada na zona nascente do largo e que faz parte de uma ‘passadeira florida’ que se estenderá desde o limite sudoeste do largo até ao limite norte do primeiro quarteirão da avenida será, afirma o presidente da Câmara, a primeira calçada artística da vila de São Brás.

A simbolizar os tapetes de flores que decoram as ruas são-brasenses, as rosáceas de pedra calcária já assumem forma ao ritmo de “uma rosa e meia por dia”, diz Vítor Guerreiro.