‘Segredos de Lucía’ encheu o auditório da biblioteca de Castro Marim

‘Segredos de Lucía’ encheu o auditório da biblioteca de Castro Marim

266
PARTILHE
- Pub -
 Espectáculo juntou em palco o “Pedro Jóia Trio”  com “Carmen Benjumea y el Flamenco Universal”

Espectáculo juntou em palco o “Pedro Jóia Trio” com “Carmen Benjumea y el Flamenco Universal”

O auditório da Biblioteca Municipal de Castro Marim encheu-se na passada sexta-feira, dia 17 de Março, para assistir ao evento “Segredos de Lucía – Friday Night de Lucía”.

Este iniciativa nasceu da vontade de ampliar e promover o Festival de Lucía, que decorre este ano nos dias 18 e 19 de Agosto, e traduziu-se também num êxito, com cerca de 200 pessoas que se reuniram num espectáculo que juntou em palco “Pedro Jóia Trio” – a guitarra de Pedro Jóia, o acordeão do João Frade e Norton Daiello no contrabaixo – com “Carmen Benjumea y el Flamenco Universal”, numa apresentação de flamenco com a guitarra de Rafael Martinez de Nerva.

“Segredos de Lucía” é uma iniciativa da autarquia de Castro Marim inspirada no disco de guitarra mais conhecido, reconhecido e vendido mundialmente, em que participa, de forma destacada, Paco de Lucía – “Friday Night in San Francisco”. Abraçada e co-financiada pelo programa 365 Algarve e pela sua política de descentralização e circulação de eventos, os “Segredos de Lucía – Friday Night de Lucía” contemplam uma parceria com os municípios de Loulé e Lagos, que levam a iniciativa aos seus palcos de eleição, contribuindo para um maior enriquecimento e diversificação da oferta cultural e turística na região durante a chamada época baixa e, simultaneamente, promovendo junto do grande público a ligação umbilical de Paco de Lucía ao Algarve.

Espectáculo de flamenco encantou o público castromarinense
Espectáculo de flamenco encantou o público castromarinense

Paco de Lucía (natural da vizinha Andalucia – Algeciras), reconhecido como um dos melhores compositores e guitarristas do mundo, tinha em Castro Marim as suas raízes, mais concretamente em Monte Francisco, terra que viu a sua mãe, Lucía, nascer. É nesta ligação umbilical que o “Festival de Lucía” e, consequentemente, os “Segredos de Lucía”, assentam, homenageando uma guitarra de várias linguagens, cruzamentos e matizes, como a que Paço de Lucía habitou o seu público, mas homenageando também as mulheres, através da memória de sua mãe, cuja alegria e semblante lusitano sempre o inspirou. Este é o Paco Português, que dedicou um disco a esta terra “Castro Marin” e à sua mãe.

A bilheteira deste espectáculo reverte integralmente para uma causa solidária, a compra de uma cadeira de rodas dinâmica para uma menina de Castro Marim. Com o mote “Castro Marim mais Solidário”, a câmara municipal associou-se também ao mega evento, a realizar-se no dia 14 de Maio, que permitirá a angariação do montante final do equipamento, cerca de 12 mil euros.

Consulte todas as informações sobre o Festival de Lucía em www.facebook.com/festivaldelucia.