Maios voltam às estradas no Dia do Trabalhador

Maios voltam às estradas no Dia do Trabalhador

1162
PARTILHE
Os Maios são construídos em segredo durante meses pela população do concelho de Olhão
Os Maios são construídos em segredo durante meses pela população do concelho de Olhão

O concurso de Maios, que acontece habitualmente no dia 1 de Maio, durante todo o dia, volta à Estrada Nacional 125 pelo 33o ano consecutivo, numa iniciativa do Futebol Clube de Bias.

A decorrer entre Marim e Alfandanga, o concurso conta com o apoio do Município de Olhão e da União das Freguesias de Moncarapacho e Fuseta.

Anualmente, a 1 de Maio, as flores típicas da primavera enfeitam os Maios, ou Maias, tradição que todos os anos se vive no concelho de Olhão.

Ao longo da Estrada Nacional 125, mas também noutros locais do interior do concelho, fazem-se autênticas romarias para apreciar os Maios, tradição recuperada pelo Futebol Clube de Bias.

A iniciativa repete-se, ano após ano, sempre com o objectivo de mostrar os bonecos, que são construídos em segredo durante meses pela população residente nestes locais, com temas sempre ligados à localidade e aos produtos da terra, e onde não faltam as flores.

Esta tradição faz com que milhares de pessoas passem por Olhão neste dia, para verem as autênticas obras de arte, que se mostram somente no dia 1 de Maio.

A origem da tradição dos Maios, ou Maias, perde-se no tempo e pode ter várias explicações. Segundo alguns, a Maia era uma boneca de palha de centeio, em torno da qual havia danças toda a noite do primeiro dia de Maio.

Em Olhão, a tradição mantém-se com a dedicação de construir e enfeitar estes bonecos típicos para mostrar a quem passa na Estrada Nacional.

A entrega de prémios ocorrerá no dia 6 de Maio, num baile na sede do Futebol Clube de Bias.