Orelha Negra mostram novo trabalho em Albufeira

Orelha Negra mostram novo trabalho em Albufeira

319
PARTILHE
- Pub -

Dia 28 de Abril é a data escolhida pela banda portuguesa de hip-hop, soul e funk instrumental Orelha Negra para actuar no Auditório Municipal de Albufeira, no âmbito do Ciclo de Concertos GAJ.

O quinteto vai interpretar alguns dos temas originais que integram o terceiro álbum da formação, a editar durante o presente mês de Abril.

O espetáculo está agendado para as 21.30 horas, e contará ainda com a actuação do artista algarvio Ehliu.

Orelha Negra
Os ritmos dos Orelha Negra são inconfundíveis

Os Orelha Negra são formados por um conjunto de músicos apaixonados pelas sonoridades afro-americanas: Sam The Kid (MPCs), Cruzfader (DJ), Fred Ferreira (bateria), Francisco Rebelo (baixo) e João Gomes (teclas), que constituem o único grupo de hip-hop em Portugal que não tem vocalista.

Comunicam através dos sons, dinâmicas, breaks, grooves e batidas e o seu som torna-se ainda mais viciante nos espectáculos ao vivo, onde se cria um ambiente de alta sinergia com o público.

- Pub -

Os bilhetes já estão à venda (custam 10 euros; com cartão de Estudante de Albufeira 5 euros e podem ser adquiridos na Câmara Municipal (CIAC) e nas Piscinas Municipais (GAJ), nos dias úteis, e no Auditório Municipal, no dia do espetáculo, a partir das 19.30 horas.

ehliu
Ehliu é o artista algarvios encarregado do arranque do espectáculo para aquecer as hostes

Ehliu é um artista de Albufeira com ascendência cabo-verdiana e angolana. Em 2005, aventurou-se na área de produção, começando a compor e cantar alguns temas originais que o classificaram entre os cinco melhores artistas no concurso nacional de bandas originais do Myspace. Em 2006, participa no concurso de remix promovido pela Indaba Music -New York, onde se destacou com o tema “If you give me love”, eleito pelo público como o melhor remix e, em 2011, fez parte do grupo DHD que criava temas nos estilos Regaton, R&B e Ragga. Finalmente, em 2013, decidiu apostar e iniciar a sua carreira musical a solo com a participação de outros produtores e músicos.

Os Orelha Negra: um percurso invejável

Depois de terem tocado juntos na digressão de Sam The Kid em 2008, os cinco artistas resolveram juntar-se e gravar Orelha Negra, o disco de estreia homónimo. Em 2011 lançam o álbum Mixtape e em 2013 é editada a segunda Mixtape da banda.

O grupo tem actuado nos mais relevantes festivais e eventos do país, esgotando por duas vezes o CCB (2012 e 2016). Prestes a editar um novo trabalho, os Orelha Negra vêm a Albufeira apresentar temas inéditos que integrarão o próximo disco de originais e também alguns temas dos dois primeiros álbuns, não faltando os medleys envolventes e ritmados a que têm habituado o público.

 

O Ciclo de Concertos do GAJ prolonga-se até ao mês de Maio com a actuação de Freddy Locks, a 26 de Maio.