Será que tens mesmo razão?

Será que tens mesmo razão?

1745
PARTILHE
A OPINIÃO de RICARDO MARIANO Jovem empresário
A OPINIÃO de RICARDO MARIANO
Jovem empresário

Uma coisa é certa: todos erramos. Do nascimento até à morte. E por vezes várias vezes ao dia. Mas, e tu, tens a capacidade de admitir quando erras? E quando não tens razão? E ainda quando a razão está do teu lado, sabes sempre explicar-te, com paciência, assertividade e educação, por forma a que a outra pessoa entenda que não está certa? Pois.

Deixa-me dizer-te que há pessoas que já se afastaram de ti pelo simples facto de não teres admitido que estavas errado, ou ambos pensarem que têm razão num determinado assunto e ninguém ceder, ou até por um mal entendido qualquer. É triste!

Queiras ou não, já erraste muitas vezes. E vais continuar a errar. Muito ou pouco, agora só depende de ti. Está nas tuas mãos. Quanto mais compreensão tiveres com as falhas dos outros, mais compreensão irão ter contigo também. É quase um direito adquirido. Compreende se queres ser compreendido. Tolera se queres ser tolerado. Estima se queres ser estimado.

Nesta coisa que chamamos vida, só faz sentido o que é sentido.

Facebook Comments

Comentários no Facebook