Festival Pé Na Terra leva música do Brasil e África à Fuseta

Festival Pé Na Terra leva música do Brasil e África à Fuseta

2880
PARTILHE
pe na terra
As entradas são gratuitas para os residentes na União das Freguesias de Moncarapacho e Fuseta

A Zona Ribeirinha da Fuseta volta a acolher, entre 15 e 18 de Junho, o Festival Pé Na Terra, considerado, por muitos, um dos maiores eventos multiculturais do sul do país.

O Festival, organizado pela Associação Danças da Terra, promove um intercâmbio cultural e musical entre grupos e artistas de Portugal, Brasil e África, através de workshops de dança (com a supervisão de consagrados instrutores), instrumentos, apresentações, concertos ao ar livre, feira de artesanato e espaço criança. Tendo origens e raízes nas culturas populares portuguesa e africana, a cultura popular brasileira apresenta semelhanças nos sons, nas danças e nos instrumentos que remetem às origens da colonização portuguesa e à mistura dos dois povos.

“Será um fim-de-semana em que pessoas dos quatro cantos do mundo descobrem, ao som da música, os encantos da ilha, da gastronomia e da tão calorosa e peculiar população da Fuseta, nos dias com mais ‘balanço’ do ano”, garante a União das Freguesias de Moncarapacho e Fuseta.

roberta espinosa
O festival abre na quinta-feira com um concerto de Roberta Espinosa

Musicalmente, o evento abre com Roberta Espinosa, que convida Sambê e com o grupo Luso Baião (15 Junho), seguindo-se Os 4 Mensageiros e Fernando Anitelli (16 Junho), Terra Livre e Diego Oliveira (17 Junho), encerrando com Samba sem Fronteiras, Semente de Iroko, Coco da Gente e Trio Xamego (18 junho). Fernando Anitelli será o cabeça de cartaz do Festival, apresentando o Teatro Mágico, um projecto que mistura arte circense, cultura, poesia e música.

cartaz pe na terra 2017
Festival já vai na sua sexta edição

As entradas são gratuitas para os residentes na União das Freguesias de Moncarapacho e Fuseta.

Sob o lema “Já me sinto lá”, o Festival Pé Na Terra vai para a sua 6ª edição e conta com o apoio da União das Freguesias de Moncarapacho e Fuseta.

Facebook Comments

Comentários no Facebook