Cineclube de Tavira apresenta ‘Frágil Equilíbrio’ nos Claustros do Convento do Carmo

Cineclube de Tavira apresenta ‘Frágil Equilíbrio’ nos Claustros do Convento do Carmo

1026
PARTILHE
fragil_equilibrio
Documentário conta com realização e argumento de Guillermo García López

O filme “Frágil Equilíbrio” estreia em Portugal esta quinta-feira, 20 de Julho, numa apresentação da Cineclube de Tavira inserida na Mostra Ar Livre Cinema 2017. A sua exibição terá lugar pelas 21.30 horas, nos Claustros do Convento do Carmo.

Trata-se de um documentário com realização e argumento de Guillermo García López, fotografia de Pablo Burmann e música de Zeltia Montes.

O filme limita-se a acompanhar a vida de um grupo de deserdados, cada um num ponto do planeta e cada um com um motivo diferente para se sentir humilhado. Um executivo japonês em Tóquio, cuja vida se baseia unicamente no seu trabalho para uma grande empresa e no consumo; uma comunidade subsaariana no Monte Gurugu, na fronteira entre a África e a Europa, que, arriscando a vida reiteradamente tenta passar para o “Primeiro Mundo”; uma família em Madrid que, apesar dos esforços para ter uma vida que o sistema entende como “normal”, acaba por ser despejada da sua própria casa.

Três histórias de contradições que se desenrolam em diferentes lugares e, pelo meio, como uma coluna vertebral, o discurso entre a lucidez e a ingenuidade daquele que foi presidente do Uruguai, José Alberto Mujica. O que conta não é interpretar, mas mostrar o que existe, o que está a acontecer.

O filme “Frágil Equilíbrio” recebeu o Prémio Goya para o Melhor Documentário em 2016.

Facebook Comments

Comentários no Facebook