Paderne apresenta claque e padrinho da candidatura às 7 Maravilhas de Portugal

Paderne apresenta claque e padrinho da candidatura às 7 Maravilhas de Portugal

1221
PARTILHE
CMA_6864
‘Todos Por Paderne’ é o slogan da candidatura

A apresentação de Paderne na qualidade de pré-finalista no concurso ‘7 Maravilhas de Portugal – Aldeias’, decorreu ontem, 12 de Julho, ao final da tarde, num momento contou com as presenças de elementos do executivo da Câmara de Albufeira, presidentes das Juntas de Freguesia, autoridades, associações, empresários e jornalistas, que serviu também para apresentar publicamente o mediático padrinho da candidatura, Fernando Correia, e a claque que vai defender a vitória de Paderne.

‘Todos Por Paderne’ é o slogan da candidatura da aldeia mais típica do concelho de Albufeira, cuja autenticidade e beleza natural e patrimonial foram argumentos de peso e de consenso utilizados por todos os que tiveram a responsabilidade de defender, perante todos os convidados, que Paderne merece ganhar a candidatura.

paderne
Claque é constituída por pessoas da terra

A claque de Paderne é constituída por homens e mulheres da terra, defensores e entusiastas deste lugar: Cristina Ramos, Dilita Machado, Luciano Atanásio, Célia Matias, Valério Brito, Beatriz Martins, Ana Catarina, Margarida Dias, Inácio Soledade e Luís Neves.

Padrinho da candidatura apela ao voto no que é autêntico

Fernando Correia, um ícone do jornalismo desportivo, comentador, apresentador, professor e autor de vários livros ao longo dos 60 anos de carreira, agradeceu ao município, à Junta de Freguesia de Paderne e à RTP a oportunidade de poder ajudar a promover e defender a candidatura da aldeia de Paderne, terra que há 40 anos escolheu para passar tempo de qualidade, em família, na casa que possui na Ribeira de Alte.

- Pub -

Fernando Correia aceitou ser padrinho da candidatura, entre outras razões, pela sua relação afectiva com o local, “gostei da ideia de ter uma casa no campo, fora do bulício da praia e dos bares onde regresso sempre que posso, fazer as minhas compras na Maria Espírito Santos, comprar o jornal, ir à farmácia, aos correios, ao café, passar pelo jornal Avezinha, ir com os meus filhos à igreja e ao Castelo. Paderne fica numa colina, num cerro que depois se espraia por ali, lindíssima. Portugal não pode viver sem a autenticidade da sua gente e por isso as pessoas devem votar no que é autêntico”.

Paderne2
Miguel Coelho enfatizou sobretudo as pessoas que vivem e trabalham em Paderne

Fernando Correia revelou que o seu aniversário coincide com o dia da gala e convidou os presentes a darem-lhe 60 cêntimos de presente, sob a forma de chamada telefónica para permitir a passagem de Paderne à final.

O presidente da Junta de Freguesia de Paderne fez questão de agradecer à autarquia por ter lançado a candidatura, “reconhecendo que somos genuínos e o coração do concelho de Albufeira”. Miguel Coelho enfatizou não só a beleza paisagística e patrimonial da aldeia, mas sobretudo as pessoas que ali vivem e trabalham “somos gente boa, trabalhadora, que sabe receber. Temos uma gastronomia ímpar e produtos sem pesticidas nas terras que nos foram transmitidas pelos nossos antepassados. Com a ajuda de todos, iremos passar à final”.

Autenticidade é factor de diferenciação dos destinos turísticos
Paderne3
Carlos Silva e Sousa refere-se a Paderne como uma terra de tradições

Carlos Silva e Sousa, na qualidade de presidente da Câmara e promotor da candidatura, está convicto que Paderne já ganhou só por fazer parte dos pré-finalistas e por receber a Gala no próximo domingo, levando a imagem da terra às milhares de pessoas que vão assistir ao programa da RTP, transmitido a partir do Largo do Estádio João Campos.

O presidente da autarquia referiu que “Paderne é uma terra com muitas tradições, que preserva as suas raízes, com gente que sabe receber e que, fazendo parte de um concelho com forte vocação turística, faz a diferença pela sua autenticidade, complementando uma Albufeira cosmopolita pela sua essência de aldeia rural. Paderne tem tudo para ganhar a competição”. Carlos Silva e Sousa acredita na autenticidade dos destinos turísticos e que isso é cada vez mais um factor de diferenciação.

Paderne4
Gala da RTP é transmitida em directo de Paderne

A Gala da RTP, na qual vão ser apuradas as duas finalistas na categoria ‘Aldeia Rural’ acontece já no próximo domingo, 16 de Julho, com transmissão em directo a partir de Paderne e início marcado para as 21 horas. A votação é efectuada através de chamada telefónica de valor acrescentado (60 cêntimos + IVA), para o número divulgado no início do programa, encerrando oito minutos antes do final da gala.

(Cátia Marcelino / Henrique Dias Freire)

Facebook Comments

Comentários no Facebook