Algarve regista perto de oito milhões de dormidas até Junho

Algarve regista perto de oito milhões de dormidas até Junho

1037
PARTILHE
Algarve
Estabelecimentos hoteleiros da região registaram 7,96 milhões de dormidas

O Algarve aproxima-se pela primeira vez das oito milhões de dormidas no primeiro semestre do ano, revelou hoje, 14 de Agosto, o Instituto Nacional de Estatística (INE). Entre Janeiro e Junho de 2017, os estabelecimentos hoteleiros da região registaram um total de 7,96 milhões de dormidas, cerca de 600 mil pernoitas a mais do que em igual período do ano anterior (+8,1%).

Para esta performance semestral do destino, contribuíram tanto as dormidas de turistas estrangeiros (que registaram mais 9,4%, num total de 6,65 milhões de dormidas), quanto as dormidas dos residentes em Portugal (com mais 1,9%, totalizando 1,31 milhões de dormidas).

Algarve alcançou 41% das dormidas de hóspedes estrangeiros

No ‘Destaque de Actividade Turística’ de Junho do INE, pode ler-se que “no primeiro semestre do ano, todas as regiões apresentaram evoluções positivas no número de dormidas. O Algarve captou 41% das dormidas de hóspedes vindos do estrangeiro”.

No Algarve, a variação sinalizada pelos restantes indicadores no conjunto dos primeiros seis meses do ano é francamente positiva: os hóspedes aumentaram em 3,9%, para cerca de 1,8 milhões de hóspedes, e os proveitos totais registam uma alta acentuada com mais 17,5%, somando um total de 360 milhões de euros.

2017 pode vir a ser o melhor ano turístico de sempre

Desidério Silva, presidente da Região de Turismo do Algarve, congratula “a hotelaria algarvia, assim como todo o sector turístico regional, que ano após ano tem vindo a alcançar máximos históricos. Os principais indicadores estão a crescer de forma alinhada com o que acontece no país e no final do ano aspiramos uma vez mais vir a celebrar o melhor ano turístico de sempre para o Algarve e para o turismo português”.

(Cátia Marcelino / Henrique Dias Freire)

Facebook Comments

Comentários no Facebook