Festival da Sardinha regista 50 mil visitantes em cinco dias

Festival da Sardinha regista 50 mil visitantes em cinco dias

958
PARTILHE
festival da sardinha
Número de visitantes mostra o sucesso do evento

Entre 2 e 6 de Agosto passaram por Portimão cerca de 50 mil visitantes atraídos pelo característico aroma da sardinha assada, na 23.ª edição do Festival da Sardinha.

A animação foi uma constante na zona ribeirinha, entre o museu de Portimão e a zona entre pontes, com artesanato, doçaria, animação de rua e diversas sonoridades, com folclore, música tradicional portuguesa e teatro.

Ao longo de cinco noites, o clima foi de festa por toda a cidade e abriu o apetite de todos os visitantes que degustaram a afamada sardinha assada em pão caseiro ou no prato, acompanhada com a batata e a salada à algarvia.

Festival voltou a associar-se aos restaurantes desta zona da cidade
festival da sardinha1
Restaurantes encheram de clientes para degustar a sardinha assada

O elevado número de visitantes reflecte o sucesso e reconhecimento do festival que este ano voltou a associar-se aos restaurantes mais antigos e tradicionais desta zona da cidade. Diariamente os restaurantes oficiais encheram-se de filas, mostrando a tradição e atractividade que o festival e o ex-libris da cidade mantêm: À Ravessa, Casa Bica, Dona Barca, Forte e Feio, O Meco, Retiro do Peixe Assado, Ú Venâncio e Zizá.

Além destes, os restaurantes nas proximidades do festival também encheram de clientes, assim como o espaço ‘Sardinha no Pão’, assegurado pelas associações locais GEJUPCE Portimão – Gil Eanes Juventude Portimonense Clube e Boa Esperança Atlético Clube Portimonense.

Cerca de 30 expositores marcaram presença no evento
festival da sardinha3
Aurea animou uma das noites do evento

Entre artesanato, petiscos e doçaria regionais, três dezenas de expositores marcaram presença neste evento, trazendo até Portimão o melhor que o artesanato e o sector agroalimentar regionais podem oferecer.

A nível musical, os artistas Aurea, Reflect, Átoa, Cuca Roseta e João Só, animaram todos os visitantes no palco principal, com concertos repletos de boa disposição e emoção.

O Festival da Sardinha foi organizado pela Câmara de Portimão, em parceria com a Associação Turismo de Portimão, a Junta de Freguesia de Portimão, a APS – Administração dos Portos de Sines e a EMARP – Águas e Resíduos de Portimão. O evento contou também com o patrocínio da Malo Clinic, No Solo Água, Socialgar Seguros, Sagres e Delta Cafés, e o apoio do Turismo do Algarve.

(Cátia Marcelino / Henrique Dias Freire)

Facebook Comments

Comentários no Facebook