Praia fluvial vai ter parques de campismo e caravanismo e área desportiva

Praia fluvial vai ter parques de campismo e caravanismo e área desportiva

916
PARTILHE
pierpfa
A zona da Praia Fluvial do Pego Fundo

A Praia Fluvial de Alcoutim é hoje uma das peças fundamentais da oferta do concelho de Alcoutim no que respeita ao turismo, constituindo um polo de atracção para quem deseja visitar terras alcoutenejas.

Reforçar a oferta turística local tem sido, desde o início de funções do executivo liderado pelo autarca Osvaldo Gonçalves, uma aposta fundamental da autarquia enquanto motor da economia local e, no seguimento desta política, a Câmara deu início, no final de Julho, aos procedimentos que permitem desenvolver o Plano de Intervenção em Espaço Rústico do Pego Fundo de Alcoutim (PIERPFA), um instrumento de gestão territorial que permitirá dotar a zona do Pego Fundo e a praia fluvial de um conjunto de novas ofertas turísticas capazes de garantir a consolidação daquela área como uma peça fundamental da política de afirmação do sector do turismo em Alcoutim.

Novos parques de campismo e de caravanismo

O plano de intervenção – que abrange uma área total de 7,38 hectares de terrenos da Câmara de Alcoutim, delimitada a norte pela estrada Municipal 507, a sul pela Praia Fluvial do Pego Fundo e a nascente pela EBI de Alcoutim, acabando na Ribeira de Cadavais – vai prever a instalação de um parque de campismo e de um parque de caravanismo.

- Pub -

Com estas duas infra-estruturas, criadas de raiz no âmbito deste plano, que será desenvolvido no prazo máximo de 18 meses, a oferta de alojamento do concelho nestes dois segmentos será substancialmente reforçada.

Recorde-se que o campismo e caravanismo, especialmente ligados ao turismo de natureza e ao cicloturismo, são duas das áreas onde o Algarve está a desenvolver a capacidade de oferta de forma a proporcionar condições para nichos de mercado turístico mais específicos e com maior capacidade de crescimento, em particular em época baixa.

A aposta regional nestes segmentos da oferta de alojamento enquadra-se na estratégia de promoção da marca Algarve pela Região de Turismo do Algarve e no quadro estratégico do combate à sazonalidade no turismo. “É este esforço regional que Alcoutim não pode nem deve deixar de acompanhar para poder beneficiar das acções promocionais desenvolvidas junto dos mercados emissores de turistas”, sublinha o autarca Osvaldo Gonçalves, que define a estratégia: “para acompanhar este progresso nas áreas de turismo onde Alcoutim tem especial potencial temos de nos dotar das estruturas necessárias a acolher os visitantes. É isso que estamos a fazer como PIERPFA”.

Zona desportiva e recreativa e reforço da oferta natural e paisagística estão incluídas no plano

O PIERPFA terá também como objectivo o reforço da qualidade e valências oferecidas actualmente pela praia fluvial.

“O crescimento sustentado da procura turística pela praia fluvial, fruto do esforço de manutenção e cuidado dispensado em permanência pela autarquia e da promoção que fazemos da única zona balnear do concelho, obriga-nos a criar cada vez melhores condições de resposta às necessidades de quem procura a Praia do Pego Fundo”, refere Osvaldo Gonçalves.

Neste sentido, o plano que agora lançámos incluirá as acções necessárias a um reforço da qualidade integral da zona, com reforço da beleza do enquadramento natural e paisagístico, ao mesmo tempo que se dota a zona recreativa  e de apoio de todas as condições necessárias a uma praia de excelência.

Também a zona desportiva será redesenhada de forma a permitir a sua utilização com maior qualidade e dotar toda a área de condições de atracção reforçada em época baixa, numa estratégia de utilização permanente dos parques de campismo e caravanismo.

O PIERPFA será submetido a avaliação ambiental e de conformidade com as salvaguardas impostas ao ordenamento do território no âmbito das reservas Ecológica e Agrícola nacionais e dos demais instrumentos de ordenamento territorial, mas uma vez completo o processo será, refere o autarca Osvaldo Gonçalves, um instrumento de valor inestimável para o desenvolvimento turístico e económico, não só da vila de Alcoutim, mas de todo o concelho”.

(Artigo publicado no Caderno de Alcoutim)

Facebook Comments

Comentários no Facebook