AID quer dar resposta às necessidades específicas da população com deficiência

AID quer dar resposta às necessidades específicas da população com deficiência

398
PARTILHE
- Pub -
Jady Batista Coordenadora Editorial do J
Jady Batista
Coordenadora Editorial do J

A Associação Igualmente Diferentes – AID é uma associação RENAJ, fundada a 28 de dezembro de 2016, com “o intuito de responder às necessidades específicas da população com deficiência, que o tecido institucional do Algarve não (ou nem sempre) consegue corresponder”.

Com atuação em diversas áreas, como Reabilitação/Habilitação, Desporto, Cultura, Lazer e Formação, a AID é composta por “uma equipa jovem, de profissionais de diversas áreas (Educação Social, Desporto, Psicologia, Fisioterapia, Terapia da Fala, Terapia Ocupacional, Farmácia,…) e, na sua grande maioria, com experiência efetiva na área da deficiência.

Neste momento desenvolvem trabalho no âmbito do Programa Geração Z e do Plano Nacional de Desporto para Todos, em resultado de duas candidaturas do IPDJ e na área da formação, “onde a parceria com a empresa MDC – Formação & Psicologia, se tem revelado importantíssima”. A AID esteve presente na festa de encerramento dos VII Jogos de Quelfes, no Festival do Marisco de Olhão e na Fatacil (Lagoa).

Para o próximo ano civil, os objetivos “já serão mais ambiciosos, perspetivando-se uma intervenção mais concertada e regular, de modo a conseguir apresentar com segurança e mais frequência à comunidade local e regional, desenvolver novos projetos e atividades, submeter mais candidaturas, angariar financiamento e assim crescer, com vista àquele que é, em última instância, o objetivo maior: o desenvolvimento e a criação de respostas sociais concretas, em estruturas físicas adequadas, para a população com deficiência!”.

(Artigo publicado no Caderno de Artes Cultura.Sul)