Joaquim Guerreiro morreu esta madrugada no Hospital de Loulé

Joaquim Guerreiro morreu esta madrugada no Hospital de Loulé

3345
PARTILHE
- PUB -
joaquim guerreiro psd
Joaquim Guerreiro lutava há vários meses contra um cancro

O director delegado do Teatro Municipal de Faro, Joaquim Guerreiro, morreu na madrugada de hoje, 2 de Setembro, aos 50 anos, no Hospital de Loulé.

Joaquim José Ramos Guerreiro lutava há vários meses contra um cancro que o fez desistir, em Abril, da candidatura à Câmara de Loulé, apoiada pelo PSD, para a qual tinha sido aprovado por unanimidade pelo partido, em Fevereiro, sendo depois substituído por José Graça.

Nos últimos anos, Joaquim Guerreiro foi o responsável pela criação de vários eventos de sucesso como o Festival MED, em Loulé, que arrancou em 2004, a Noite Branca, também na cidade de Loulé, e mais recentemente o Festival F, que termina hoje, em Faro.

Ao longo da vida acumulou inúmeras experiências como dirigente associativo e membro de diversos órgãos autárquicos, tendo sido vereador da Câmara de Loulé, com os pelouros da Cultura, Eventos e Turismo, entre 2009 e 2013. Antes desempenhou também as funções de chefe do Gabinete de Apoio ao Presidente da Câmara de Loulé e de coordenador, durante oito anos, do Gabinete de Comunicação e Relações Públicas.

Actualmente, Joaquim Guerreiro era director delegado do Teatro Municipal de Faro.

(com Agência Lusa)

Facebook Comments

Comentários no Facebook