António Miguel Pina inicia mandato com maioria e responsabilidade absolutas

António Miguel Pina inicia mandato com maioria e responsabilidade absolutas

334
PARTILHE
- Pub -
Tomada de Posse Olhao
António Miguel Pina considera uma honra esta renovação do voto de confiança na sua equipa e no PS

No primeiro discurso enquanto presidente reeleito da Câmara de Olhão, António Miguel Pina afirma ser uma honra esta “renovação do voto de confiança que depositaram na equipa que lidero e no Partido Socialista para que conduzíssemos por mais quatro anos os destinos do concelho”.

O autarca acrescenta que “para nós, maioria absoluta significa responsabilidade absoluta” e por isso garante que este mandato se vai pautar pela continuidade “porque iremos orientar a nossa actuação pelos mesmos valores de desenvolvimento, solidariedade e transparência que presidiram os últimos quatro anos”, mas também pela mudança “porque iremos cumprir os cinco eixos do nosso programa eleitoral e as 40 medidas preconizadas que irão transformaram o nosso concelho”.

António Miguel Pina quer “um concelho democrático, dos cidadãos e para os cidadãos; um concelho pluralista, de todos e enriquecido com a diversidade de cada um; um concelho solidário, que promova a igualdade de oportunidades e inclua os excluídos; e um concelho de liberdade, que estimule a criação, a iniciativa e a realização pessoal”.

António Cabrita é o novo presidente da Assembleia Municipal
Tomada de Posse Olhao1
Mesa da Assembleia é composta por António Cabrita (presidente), Alberto Mestre (1º secretário) e Domitília Matias (2ª secretária)

Foi na passada segunda-feira, 23 de Outubro, que os órgãos municipais de Olhão tomaram posse numa cerimónia onde o PS apresentou uma lista para a Mesa da Assembleia Municipal composta por António Cabrita, para presidente, Alberto Mestre, para 1º secretário, e Domitília Matias, para 2ª secretária. A lista foi aprovada com 14 votos a favor e 11 votos em branco.

O novo presidente da Assembleia Municipal referiu-se à campanha eleitoral afirmando que,“apesar de conturbada e com lamentáveis episódios nunca antes verificados, terminou com os olhanenses a ditarem que o município fosse gerido por uma Câmara e Assembleia Municipais de maioria absoluta. Por muito que possa desagradar a alguns, há que respeitar a decisão dos olhanenses”.

De olhos postos nos próximos quatro anos, António Cabrita reforçou os compromissos que serão a tónica do seu mandato: “procurar aglutinar as diferentes sensibilidades; encetar e promover o diálogo; reunir o consenso e agilizar actuações e procedimentos, conferindo maior operacionalidade à Assembleia Municipal; e tudo fazer para que sejam publicamente escrutinadas as suas deliberações e os seus actos”.

António Miguel Pina foi reeleito presidente da Câmara de Olhão até 2021
Tomada de Posse Olhao2
António Miguel Pina foi reeleito presidente da Câmara de Olhão até 2021

No passado dia 1 de Outubro, o escrutínio ditou a vitória do PS com maioria absoluta e António Miguel Pina foi reeleito como presidente da Câmara de Olhão para um novo mandato de quatro anos que se prolonga até 2021.

A Assembleia Municipal é agora composta por 11 membros do PS, seis membros da coligação PSD-PP-MPT-PPM, dois membros do Bloco de Esquerda e dois membros do PCP-PEV, para além dos quatro presidentes das Juntas de Freguesia, membros por inerência deste órgão.

O novo elenco governativo municipal é composto por António Miguel Pina, Gracinda Rendeiro, Carlos Martins, António Camacho e Elsa Parreira, do PS, Luciano Jesus e Daniel Santana, da coligação PSD-PP-MPT-PPM.

(Cátia Marcelino / Henrique Dias Freire)