Autoridade Marítima Nacional combate poluição do mar em Vila Real

Autoridade Marítima Nacional combate poluição do mar em Vila Real

328
PARTILHE
- Pub -
Exercício Polex 2017
Exercício é composto por duas fases com base num programa seriado de eventos simulados

O concelho de Vila Real de Santo António recebe, nos dias 18 e 19 de Outubro, um exercício de âmbito nacional de combate à poluição do mar, promovido pelo Serviço do Combate à Poluição do Mar da Autoridade Marítima Nacional. O exercício é composto por duas fases, com base num programa seriado de eventos simulados, e decorre no porto e marina de Vila Real de Santo António e na Praia de Monte Gordo.

O exercício envolve cerca de 300 operacionais e conta com diversos equipamentos, entre eles navios e embarcações de combate à poluição do mar, meios aéreos com capacidade de identificação e seguimento do poluente, recuperadores, barreiras, tanques portáteis e equipamento ligeiro de limpeza de praias, viaturas pesadas e ligeiras, tractores e equipamento de protecção individual.

A iniciativa conta com a presença do secretário de Estado da Defesa Nacional, Marcos Perestrello, do secretário de Estado das Pescas, José Apolinário, do diretor-geral da Autoridade Marítima, vice-almirante Luís Sousa Pereira, e do subdirector-geral da Autoridade Marítima, Comodoro Ventura Soares, entre outras entidades.

Primeira fase decorre no dia 18 e segunda fase é a 19 de Outubro
Exercício Polex 2017 (2)
Seminário sobre ‘A Preservação do Meio Marinho’ é a primeira fase do evento

No dia 18 de Outubro, na primeira fase do evento, vai ser realizado um seminário com o tema ‘A Preservação do Meio Marinho’, onde são abordados assuntos relacionados com a poluição marítima e apresentado o exercício de combate à poluição do mar que decorrerá no dia seguinte. O seminário tem lugar no Centro Cultural António Aleixo, a partir das 14.30 horas, e é aberto ao público em geral.

A 19 de Outubro, quinta-feira, é então realizado o exercício de combate à poluição, na marina e porto de Vila Real de Santo António e na Praia de Monte Gordo. Nesta acção, decorrente da simulação de um incidente de poluição marítima, serão empenhados diversos meios, em diferentes cenários, em terra e no mar.

Na realização deste exercício, a Autoridade Marítima conta com o apoio da Marinha, da Câmara de Vila Real, da Agência Europeia de Segurança Marítima (EMSA), da Força Aérea Portuguesa, do Instituto Hidrográfico, da Autoridade Nacional de Protecção Civil – Comando Distrital de Operações de Socorro de Faro, da Associação Naval do Guadiana, da Sociedade Salvamento y Seguridad Marítima (SASEMAR), da SVITZER Portugal, da Tekever Group, da Universidade do Algarve, do Zoomarine, da Docapesca, da Rebonave e do Projeto MARPOCS.

Exercício simula a contenção e recolha de três mil metros cúbicos de fuelóleo de um derrame causado pela colisão entre dois navios
Exercício Polex 2017 (3)
Simula-se a contenção e recolha de fuelóleo, um acidente de um pesqueiro e o salvamento de náufragos e evacuação de feridos

No exercício ‘Atlantic Polex.pt 2017’ simula-se a contenção e recolha de três mil metros cúbicos de fuelóleo decorrente de um derrame devido a uma colisão entre dois navios, um cargueiro e um petroleiro. O poluente derramado acabará por se dirigir para o porto de Vila Real, afectando-o, assim como a linha de praia até Monte Gordo. Paralelamente, simula-se também um acidente de um pesqueiro no porto de Vila Real, do qual resulta o derrame de cinco mil litros de gasóleo. Além dos derrames e das consequentes operações de combate à poluição e do arrojamento de animais, será necessário proceder ao salvamento de náufragos e evacuação de feridos.

Todas as informações relativas ao seminário e a todo o exercício estão disponíveis ‘AQUI’.

(Cátia Marcelino / Henrique Dias Freire)