Dia Mundial do Pão celebra-se a 16 de Outubro

Dia Mundial do Pão celebra-se a 16 de Outubro

470
PARTILHE
pao caseiro
O pão é fonte de múltiplas fibras alimentares, vitaminas, minerais e com baixo teor de sal

O Dia Mundial do Pão celebra-se na próxima segunda-feira, 16 de Outubro, e a Associação Portuguesa de Nutrição assinala este dia com algumas iniciativas que pretendem elucidar a população a respeito deste alimento.

São várias as razões para incluir o pão na alimentação diária de um regime alimentar equilibrado: é um alimento transversal e nutricionalmente completo, fonte de múltiplas fibras alimentares, vitaminas, minerais e com baixo teor de sal.

De acordo com a Associação Portuguesa de Nutrição, “o pão é um dos alimentos que marca presença regular na maioria das mesas da população portuguesa. Actualmente, há uma alargada gama de pães com diversos formatos e produzidos a partir de diferentes cereais (centeio, cevada, espelta, trigo integral), podendo incluir também outros ingredientes adicionais (frutas, ervas aromáticas, sementes e frutos oleaginosos) para melhoria do seu conteúdo nutricional e características organoléticas”.

Consumo de pão deve ser adequado às necessidades físicas de quem o consome

É a multiplicidade de escolhas que torna o pão num alimento apelativo para diferentes gostos, nutricionalmente completo e amigo de todas as carteiras. Assim, o consumo de pão deve ser adequado não só aos gostos individuais mas também às necessidades físicas de quem o consome. Para além do tipo de pão escolhido, as quantidades ingeridas devem também ser adaptadas ao gasto energético do indivíduo (idade – criança, adulto ou idoso; fase da vida – grávidas ou lactentes; se é ou não desportista – profissional ou amador; entre outros).

Para Rosa Maria Vilares, nutricionista da Fundação Portuguesa de Cardiologia, “o pão integral, o pão para diabéticos, o pão para o coração, o pão para a hipertensão, entre muitos outros tipos de pão com misturas mais ou menos singulares, seja por motivos de saúde seja por motivos de paladar, será sempre ‘o pão nosso de cada dia’, para em cada dia cuidar no nosso coração”.