Faro: PJ detém homem por crime de rapto

Faro: PJ detém homem por crime de rapto

1210
PARTILHE
Edifício sede da Polícia Judiciária (PJ), em Lisboa, 18 de julho de 2014. TIAGO HENRIQUE MARQUES/LUSA
Homem também está indiciado pelo crime de violação.

A Policia Judiciária, através da Directoria do Sul, identificou e deteve um homem pela presumível prática do crime de rapto.

Na noite de 20 para 21 de Janeiro, numa sociedade recreativa sita em Faro, “o arguido abordou de forma violenta a vítima, uma mulher de 35 anos de idade, originando a intervenção da GNR”, explica a PJ.

No dia seguinte, também em Faro, “o detido deslocou-se à casa da vítima e mediante o uso da força física obrigou-a a entrar na sua viatura, tendo-a levado para uma casa na ilha de Faro, forçando-a a manter com ele relações sexuais”, acrescenta.

Arguido e vítima mantiveram um relacionamento terminado em meados do ano 2017.

O detido, de 61 anos de idade, vai ser presente a primeiro interrogatório judicial para aplicação das medidas de coacção tidas por adequadas, sendo que para além do crime de rapto pelo qual foi detido em flagrante delito, também está indiciado pelo crime de violação.

Facebook Comments

Comentários no Facebook