Reabilitação do centro histórico de Silves provoca alterações de trânsito

Reabilitação do centro histórico de Silves provoca alterações de trânsito

634
PARTILHE
rua da cadeia Silves
Obras vão decorrer na Rua da Cadeia, no troço entre o Torreão e a escadaria lateral de acesso à Câmara

A área de intervenção de reabilitação do centro histórico de Silves vai ser alargada a partir do próximo dia 8 de Janeiro para a Rua da Cadeia, no troço entre o Torreão e a escadaria lateral de acesso ao edifício da Câmara, e os trabalhos incluem escavação e ligação de ramais.

A reabilitação implica a interdição da circulação automóvel proveniente da Rua da Sé, no sentido Largo Jerónimo Osório – Rua da Cadeia. O troço da Rua da Cadeia localizado junto à Câmara de Silves continua a ter acesso pela Rua Pintor Bernardo Marques e pela Travessa do Pelourinho. A Rua da Porta de Loulé ficará, durante este período, transitável unicamente a veículos ligeiros, para permitir o acesso local de moradores e o abastecimento dos diversos estabelecimentos comerciais existentes nesta área.

Acesso pedonal à Rua da Cadeia continua garantido

Na prática será invertido o sentido da circulação automóvel na Rua da Sé, de descendente para ascendente, de forma a que os veículos que acedam à Rua da Porta de Loulé possam prosseguir o seu trajecto de saída. O acesso pedonal à Rua da Cadeia continuará a ser garantido nesta fase dos trabalhos com zonas de circulação devidamente identificadas.

Num momento posterior os trabalhos serão alargados à Rua Pintor Bernardo Marques e também a Rua da Sé e o Largo Jerónimo Osório serão alvo de reabilitação no âmbito desta empreitada.

Facebook Comments

Comentários no Facebook