Portimão afirma-se como ‘exemplo nacional’ na Protecção Civil e Socorro

Portimão afirma-se como ‘exemplo nacional’ na Protecção Civil e Socorro

743
PARTILHE
portimao afirma-se como exemplo nacional na protecção civil e socorro (2)
Membros do Governo visitaram locais do barrocal

O ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, veio a Portimão conhecer a dinâmica de funcionamento da Protecção Civil Municipal e enalteceu a forma exemplar como está organizada a sua dinâmica no concelho, considerando-a como “um modelo a seguir”. Um reconhecimento por parte do Governo nacional que Isilda Gomes, presidente da Câmara de Portimão, encara “com grande sentido de responsabilidade mas também com a confiança de que estamos no caminho certo”.

Na companhia dos secretários de Estado da Protecção Civil, das Autarquias Locais e das Florestas e Desenvolvimento Rural, a visita começou cedo no dia 19 de Fevereiro, com a jornada de trabalho no Centro Municipal de Protecção Civil e Operações de Socorro. O ministro teve a oportunidade de conhecer o investimento realizado pela autarquia na protecção e socorro dos bombeiros, que ultrapassou um milhão de euros, em 2017, de forma a garantir que todos os operacionais estejam dotados de protecção individual e colectiva à altura dos desafios que enfrentam.

Governo acompanhou trabalhos nos espaços rurais de Portimão

Numa visita ao terreno pelos diversos locais do barrocal, os representantes do Governo acompanharam os diferentes trabalhos em curso nos espaços rurais associados à limpeza e manutenção de faixas de gestão de combustível, limpeza de ribeiras e reabilitação da rede viária florestal.

portimao afirma-se como exemplo nacional na protecção civil e socorro (3)
Bombeiros Voluntários de Portimão este ano recebem apoio de 450 mil euros
- Pub -

A comitiva acompanhou ainda uma acção de treino operacional no âmbito do combate a um incêndio florestal e a visita não terminou sem antes testar a capacidade logística da unidade de apoio alimentar, operacionalizada pelo Agrupamento de Portimão do Corpo Nacional de Escutas, onde os membros do Governo provaram as refeições que habitualmente são fornecidas em sede de Teatro de Operações.

Autarquia assinou contratos-programa num total de 480 mil euros

Na presença do ministro, a Câmara de Portimão assinou contratos-programa, recentemente aprovados em reunião de Câmara, que perfazem um investimento total de 480 mil euros. Os contratos assinados com os Escutas de Portimão (cinco mil euros), a Cruz Vermelha de Portimão (25 mil euros) e a Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Portimão, que este ano vê o valor aumentado para 450 mil euros, visam estabelecer a manutenção de um quadro de cooperação iniciado nos últimos anos, no âmbito da protecção civil.

A presidente da autarquia local enalteceu o trabalho em rede que caracteriza o ‘modus operandi’ em Portimão, onde todos os Agentes de Protecção Civil e Entidades Cooperantes estão empenhados em sensibilizar a população para adoptar medidas de autoprotecção e criar uma comunidade mais resiliente porque “apesar dos autarcas terem aqui uma grande responsabilidade, esta área deve sensibilizar toda a população para que juntos possamos construir uma Protecção Civil sustentável”.

Facebook Comments

Comentários no Facebook