PS satisfeito com garantia do Governo de não demolir mais casas na...

PS satisfeito com garantia do Governo de não demolir mais casas na Ria Formosa

1225
PARTILHE
Debate Parlamentar
O deputado socialista Luís Graça, eleito pelo círculo de Faro, no uso da palavra

O ministro do Ambiente garantiu esta quarta-feira, 21 de Fevereiro, durante a sua audição na Comissão Parlamentar de Ambiente, Ordenamento do Território, Descentralização, Poder Local e Habitação, que “não vai haver mais demolições para além das 22 casas que já foram notificadas como estando na faixa de risco na Ria Formosa”. O governante respondia ao deputado do PS Luís Graça, eleito pelo círculo de Faro, que questionou se o Executivo iria demolir mais alguma casa para além das que estão previstas.

O deputado Luís Graça lembrou que, “em Abril de 2015, estava previsto demolir 808 casas na Ria Formosa e que, com a intervenção deste Governo, essa operação de demolição foi contida a uma faixa de risco”. “Identificaram-se pouco mais de 80 casas e dessas, por intervenção do Governo em estreita articulação com os moradores, excepcionaram-se todas as que eram de primeira habitação e casas de pescadores, viveiristas e mariscadores no activo ou já reformados”, apontou.

O parlamentar socialista acusou também o PSD de querer demolir todas as casas, “sem separar o trigo do joio”, por ter falado de “previsibilidade”. “É bom que o PSD não tenha mais qualquer máscara”, avisou.

João Pedro Matos Fernandes revelou que o Governo está a “fazer todo o esforço para retirar um conjunto de primeiras habitações que existe na ilha de Faro em zona de comprovado risco, sempre com realojamento”. O governante alertou que aquelas habitações “estão em domínio público marítimo e que o mar prega surpresas”. Portanto, o Governo não deixará de estar atento, garantiu.

Comentários no Facebook