Adopção de estilo de vida saudável pode reduzir risco de doença de...

Adopção de estilo de vida saudável pode reduzir risco de doença de Alzheimer

603
PARTILHE

 

OPINIÃO de ANA MARGARIDA CAVALEIRO; Directora do Departamento de Formação e Projetos da Associação Alzheimer Portugal
OPINIÃO de ANA MARGARIDA CAVALEIRO;
Directora do Departamento de Formação e Projetos da Associação Alzheimer Portugal

Os hábitos que adoptamos na vida podem fazer uma grande diferença na nossa saúde, assim como podem vir a reduzir os riscos de desenvolver a doença de Alzheimer, ou outras formas de demência. Apesar de não podermos garantir que ao melhorar esses hábitos, não desenvolva esta doença, alguns estudos recentes têm vindo a evidenciar que as pessoas que adoptam estilos de vida saudáveis têm um risco reduzido de vir a desenvolver demência.

Um cérebro saudável é importante em muitos aspectos da nossa vida para que os nossos pensamentos, sentimentos e lembranças se mantenham. Não se sabe ainda como se pode prevenir, ou curar a demência, mas existem muitas coisas que se pode fazer para manter o cérebro saudável com o avançar da idade, tais como manter o cérebro activo, adquirir uma alimentação equilibrada e saudável, optar pela prática de exercício físico, por uma vida social mais ativa e pela realização de checks-ups regulares.

Ao manter o cérebro ativo está a fortalecer as ligações entre as células cerebrais, contribuindo para uma mente saudável. É de grande prioridade a realização de atividades que envolvam novas aprendizagens, como jogos de raciocínio (palavras cruzadas, puzzles de letras e números, xadrez, damas ou cartas), leitura, escrita, diálogo, uso do computador, ou a aprendizagem de uma nova língua.

Comentários no Facebook