DECO: Como agir em caso de fraude de contador de electricidade?

DECO: Como agir em caso de fraude de contador de electricidade?

756
PARTILHE
contadores-de-eletricidade1
A manipulação fraudulenta de um contador de electricidade é um acto criminoso e punível por lei (Foto: DR)

A DECO responde…

Nos últimos anos, vários consumidores têm-nos contactado por serem confrontados com uma acusação de fraude no contador de electricidade, sem que dela tivessem conhecimento. Têm de pagar a substituição do aparelho, assim como a eletricidade consumida e não paga devido à adulteração do equipamento.

A manipulação fraudulenta de um contador de eletricidade é um acto criminoso e punível por lei. Como tal, os valores não prescrevem. O problema é que, quando o consumidor não é responsável pelo problema, porque comprou ou arrendou a casa já com o contador adulterado, cabe-lhe a ele provar que nada fez.

Todos os anos, chegam-nos várias queixas relacionadas com contadores de electricidade relativas a problemas de facturação ou fraudes em contadores, por exemplo. Em 2016, recebemos 423, em 2017, 458 e, até março deste ano, já contabilizámos 117 reclamações.

Comentários no Facebook