Equipa de rali algarvia ‘não cumpre a promessa’ e fica em 4º...

Equipa de rali algarvia ‘não cumpre a promessa’ e fica em 4º lugar no CPR

332
PARTILHE
Ricardo Teodosio - Mortagua 02
Rali Mortágua equipa algarvia (Foto D.R)

A equipa de Ricardo Teodósio e José Teixeira prometeram que iam chegar ao pódio do CPR, mas a falta de conhecimento do terreno não ajudou a dupla algarvia. No primeiro dia na prova especial noturna em Mortágua, ficaram na liderança do rali o que depois nada previa o quarto lugar.

Ricardo Teodósio revela que era “preciso ter a certeza absoluta dos terrenos que piso. Este era um rali praticamente novo para nós, e este foi o melhor resultado possível. Precisamos de rolar mais nos troços para que tudo possa correr naturalmente. Corri muito mais riscos da parte da tarde, e por isso fomos mais rápidos, mas fiquei sempre com a sensação de que é necessário ter um melhor conhecimento do terreno. Infelizmente, não deu para chegar ao pódio. Agora há que pensar no Rali Vidreiro na Marinha Grande e começar a trabalhar, com muitos testes em asfalto, para que tudo possa correr bem”.

A ideia de trabalhar mais para as provas em asfalto, é compartilhada também por José Teixeira: “O Ricardo sabe andar rápido em asfalto, temos é de rolar bastante e adaptar a condução do carro aos terrenos que pisamos. No Rali de Mortágua o Skoda esteve sempre bem, e fica a convicção de que estamos quase no ponto certo, apesar de algumas hesitações, que poderiam ter sido evitadas com um melhor conhecimento do terreno. Arriscámos muito mais à tarde, mas infelizmente não deu para chegar ao pódio. Daqui para a frente ainda há muito campeonato, e vamos trabalhar para que as coisas possam correr melhor” disse José Teixeira.

A equipa algarvia não vai estar presente no Vodafone Rally de Portugal, mas garante o seu regresso ao CPR na Marinha Grande, para mais uma edição do Rali Vidreiro.

(Milene Alves Maria / Henrique Dias Freire)

Facebook Comments

Comentários no Facebook