Silves assina protocolo com Conselho Português para a Paz e Cooperação

Silves assina protocolo com Conselho Português para a Paz e Cooperação

379
PARTILHE
Este protocolo dá continuidade ao trabalho iniciado em 2015 (Foto D.R.)
Este protocolo dá continuidade ao trabalho iniciado em 2015 (Foto D.R.)

O Salão Nobre dos Paços do concelho de Silves foi o local escolhido para na próxima quinta-feira, dia 10 de Maio, às 14:30 horas ser assinado um protocolo entre o município de Silves e o Conselho Português para a Paz e Cooperação (CPPC).

Este protocolo visa dar continuidade ao trabalho iniciado em 2015, que permitiu a realização de diversas acções de sensibilização, junto da comunidade educativa, sobre temáticas de educação para a cidadania, cujo balanço se revelou extremamente positivo.

O objectivo é o de potenciar o exercício de uma cidadania informada e consciente, nomeadamente em matérias relacionadas com o respeito pelos Direitos do Homem e pelas suas liberdades fundamentais, a eliminação de todas as formas de discriminação, a defesa da soberania e independência dos povos e o reforço do movimento de defesa e promoção da Paz.

Criado em 1976, o CPPC é uma associação sem fins lucrativos, e que tem como principal intuito o de contribuir para a defesa da paz, da segurança e da cooperação internacional, bem como para a amizade e solidariedade entre os povos, de harmonia com o espírito da Carta das Nações Unidas, por quem foi condecorado como “Mensageiro da Paz”.

A actividade é aberta ao público (Foto D.R.)
A actividade é aberta ao público (Foto D.R.)

Para além da assinatura deste documento, será, ainda, apresentado ao público um novo selo a usar pela autarquia, alusivo à paz. Este selo foi criado pela jovem Cláudia Coelho, que venceu o concurso de desenho/ pintura/ fotografia, promovido pelo município de Silves em Dezembro do ano passado. O concurso fora lançado no âmbito das comemorações do Dia Mundial da Paz, que culminou na realização de uma exposição dos 70 trabalhos de todos os participantes.

A actividade, aberta ao público, terminará com a palestra “A Importância da Paz na Actualidade”, que terá como oradora Ilda Figueiredo, presidente do CPPC.

(Maria Simiris / Henrique Dias Freire)

Facebook Comments

Comentários no Facebook