Museu mais antigo do Algarve reabre sexta-feira em Faro

Museu mais antigo do Algarve reabre sexta-feira em Faro

686
PARTILHE
Foto_3
Museu foi criado a 4 de Janeiro de 1889 (Foto: D.R.)

O Museu Marítimo Almirante Ramalho, o mais antigo do Algarve, vai reabrir esta sexta-feira, 27 de Julho. A cerimónia terá lugar pelas 11 horas, no edifício do Departamento Marítimo do Sul.

O evento contará com a presença do presidente da Câmara de Faro, da directora regional da Cultura e do director da Comissão Cultural da Marinha, entre outras entidades.

O museu possui três salas distintas – Baldaque da Silva, Lyster Franco, Manuel Bívar – onde se encontram expostos navios de pesca e outras embarcações, aparelhos e utensílios de pesca, instrumentos, aparelhos e material de bordo, entre outros.

Actualmente, encontra-se em exibição uma colecção etnográfica sobre a actividade marítima e a pesca algarvia.

A habitual visita de estudo ao Museu, de que tantos se recordam, continuará a ser um marco na formação dos jovens algarvios. Este espaço passará a estar aberto a visitas entre as 14.30 e as 16.30 horas, às terças, quintas e sextas-feiras, reservando-se as quartas-feiras para as visitas de grupo com marcação.

História do Museu Marítimo Almirante Ramalho Ortigão

O Museu Marítimo Almirante Ramalho Ortigão – o mais antigo do Algarve – foi criado em 4 de Janeiro de 1889 na altura com o nome Museu Industrial Marítimo da Escola Pedro Nunes e a sua coleção formou-se a partir de objetos e modelos mandados construir a título particular pelo Oficial da Armada, António Artur Baldaque da Silva, colecções estas que estiveram inclusivamente em Paris, na exposição universal de 1900.

Posteriormente, em 1916, as colecções foram formalmente entregues à Marinha, designadamente à extinta Escola de Alunos Marinheiros do Sul. Destaca-se contributo do então comandante Ramalho Ortigão, na preservação, reorganização e posterior fundação do Museu, em 1931 no Departamento Marítimo do Sul, então no Largo da Sé.

Em 1946 o Museu Marítimo passa a designar-se Museu Marítimo Almirante Ramalho Ortigão, em homenagem ao seu fundador, tendo-se instalado definitivamente nas actuais instalações entre 1962 e 1964.

Facebook Comments

Comentários no Facebook