Faleceu o professor José Louro, personalidade que marcou a história do teatro...

Faleceu o professor José Louro, personalidade que marcou a história do teatro no Algarve

448
PARTILHE
jose-louro
José Louro recebeu o Prémio Maria Veleda em 2016 (Foto: D.R.)

O professor José Louro faleceu esta sexta-feira, 10 de Agosto, vítima de doença prolongada.

Conforme refere em comunicado de imprensa, foi com enorme pesar que “a Direcção Regional de Cultura do Algarve recebeu a notícia do falecimento do Professor José Louro”.

“O percurso de vida, bem como a sua participação cívica e cultural foram um relevante testemunho que deixará em todos os que com ele conviveram, e com ele interagiram, um sentimento de tristeza que só será superado pelo legado que nos deixa”, afirma Alexandra Rodrigues, directora regional de Cultura do Algarve.

“A acção e intervenção no âmbito do ensino, mas também da juventude e do associativismo, mobilizou jovens e marcou a história do teatro no Algarve, tornando-se numa referência inquestionável da educação pela arte na região”, acrescenta.

“O seu papel enquanto programador no Teatro Lethes e, posteriormente, no Teatro Municipal de Faro foi outra das tarefas que desempenhou e onde também deixou a sua marca para o desenvolvimento cultural do Algarve”, destaca.

“A atribuição do Prémio Maria Veleda em 2016, por esta Direcção Regional de Cultura do Algarve, confirmou o reconhecimento pelos pares do seu papel como Homem da Cultura pelo seu percurso cultural e cívico onde foi protagonista com intervenções particularmente relevantes e inovadoras para a Cultura da região” pode ler-se no comunicado de imprensa enviado por aquela instituição cultural.

O Algarve presta desta forma “o seu reconhecimento público a José Louro, uma grande personalidade da cultura algarvia, considerando que o seu contributo cultural e o legado que nos deixa é inquestionável”.

Na nota de pesar enviada às redacções, a Direcção Regional de Cultura do Algarve apresenta “aos familiares e amigos sinceras condolências”.

Facebook Comments

Comentários no Facebook