Lídia Jorge apresenta ‘Estuário’ na sua terra natal

Lídia Jorge apresenta ‘Estuário’ na sua terra natal

382
PARTILHE

 

Lídia Jorge é natural de Boliqueime, no concelho de Loulé
‘Estuário’ é a mais recente obra de Lídia Jorge (Foto: D.R.)

A escritora louletana Lídia Jorge vai estar na sua terra natal, no próximo dia 14 de Agosto, pelas 19 horas, para apresentar a sua mais recente obra, “Estuário”. Esta será mais uma sessão da rubrica “Livros Abertos” da Biblioteca Municipal Sophia de Mello Breyner Andresen.

A apresentação da obra está a cargo de Carina Infante do Carmo, professora na Faculdade de Ciências Humanas e Sociais da Universidade do Algarve.

“Estuário” é um livro sobre a vulnerabilidade de um homem, de uma família, de uma sociedade e do próprio equilíbrio da Terra, relatados pelo olhar de um jovem sonhador que se interroga sobre a fragilidade da condição humana. Edmundo Galeano andou pelo mundo, esteve numa missão humanitária e regressou à casa do pai sem parte da mão direita. Regressou com uma experiência para contar e uma recomendação a fazer por escrito, e na elaboração desse testemunho passou a ocupar por completo os seus dias. Porém, ao encontro deste irmão mais novo da família, vêm ter sem remédio as vicissitudes diárias que desequilibram a grande casa do Largo do Corpo Santo. Edmundo vai-se, então, apercebendo que as atribulações longínquas mantêm uma relação directa com as batalhas privadas travadas ao seu lado. E a sua mão direita, desfigurada, transforma-se numa defesa da invenção literária perante a crueza da realidade. “Estuário” pertence à categoria dos livros de premonição, através do enlace entre o desenho do futuro e a Literatura.

Estuario - Lídia Jorge
A capa do livro de Lídia Jorge

Comentários no Facebook