Quantas pessoas morreram entre Maio e Julho nas praias portuguesas?

Quantas pessoas morreram entre Maio e Julho nas praias portuguesas?

321
PARTILHE
O mercado britânico continua a ser o maior fornecedor de turistas
Antes da abertura da época balnear faleceram nove pessoas (Foto: D.R.)

Quatro pessoas morreram nas praias portuguesas desde o início da época balnear a 1 de Maio e até 30 de Julho, de acordo com um balanço divulgado esta segunda-feira, 27 de Agosto, pela Autoridade Marítima Nacional (AMN).

Segundo os dados da AMN a que a Agência Lusa teve acesso, duas das mortes ocorreram nas praias (vigiadas) de Carcavelos, no concelho de Cascais (Lisboa), e Santo António, na Costa da Caparica (distrito de Setúbal).
Outras duas vítimas mortais foram registadas nas praias (não vigiadas) dos Pescadores, em Espinho, no distrito de Aveiro, e das Valeiras, a sul de S. Pedro do Moel, em Leiria.

A Autoridade Marítima adianta também que desde o início da época balnear foram efectuados 91 salvamentos nas praias portuguesas.

“As áreas sob jurisdição da Capitania do Porto de Cascais, Peniche e Nazaré são as que têm registado maior número de ocorrências”, segundo a AMN.

Comentários no Facebook