Escoteiros de Portugal comemoram 105 anos

Escoteiros de Portugal comemoram 105 anos

425
PARTILHE
Mais de 300 mil portugueses foram escoteiros em Portugal (Foto: www.pedroferraz.com)
Mais de 300 mil portugueses foram escoteiros em Portugal (Foto: www.pedroferraz.com)

A Associação dos Escoteiros de Portugal, a associação juvenil mais antiga do país, celebra neste dia 6 de Setembro, o seu 105º aniversário.

Defensora de um escotismo aberto a todos, independente, interconfessional e multiétnico, a Associação dos Escoteiros de Portugal (AEP) tem procurado, ao longo dos anos, enquadrar nas suas actividades a promoção para o voluntariado social, a educação para a paz, a cultura, o desporto, a educação para a saúde e a formação de adultos. Esta associação promove ainda o método de educação não formal, fomentado a protecção e o contacto com a natureza, a educação ambiental, a intervenção social e a cooperação para o desenvolvimento.

Tudo começou um ano após o Tenente Álvaro Machado ter fundado, em Macau, o primeiro Grupo de Escoteiros em terras portuguesas. Nesse mesmo ano, 1912, Lisboa viu nascer o primeiro Grupo de Escoteiros do continente português. Um ano depois, em 1913, surge a Associação dos Escoteiros de Portugal fundada pelos três primeiros Grupos de Escoteiros da capital.

Desde cedo, a AEP conseguiu a admiração e o respeito, tanto por parte dos portugueses, como por parte dos primeiros Governos da República, tendo assegurado, em 1920, a participação no 1º Jamboree Mundial, em Londres. Foi então, deste modo, que a AEP iniciou a sua representação oficial em eventos escotistas internacionais. Feito que mereceu a atenção do fundador do movimento, Robert Baden-Powell, que visitou Portugal em 1929 e em 1934.

- Pub -

Para o escoteiro-chefe nacional da AEP, Miguel Gonzalez: “desde a sua fundação que a AEP foi alheia a credos religiosos e partidarismos políticos, mesmo no período de 1936 até ao 25 de Abril de 1974, uma época em que a Associação sofreu pressões e perseguições pelo Governo da época por ser considerada indesejável. Pretendia-se, com a extinção da AEP, o reforço da Mocidade Portuguesa, movimento obrigatório e que nada tinha a ver com o método, os princípios e as finalidades do Escotismo. Esta postura de neutralidade permitiu posicionar o movimento num lugar de destaque em termos de diversidade cultural, política e religiosa. Os nossos 150 grupos espalhados por todo o Continente e Regiões autónomas são um retrato da nossa aposta na promoção da multiculturalidade”.

A AEP celebrou o seu centenário em 2013, ano em que recebeu, pelas mãos do actual Presidente da República a Ordem de Mérito de Instrução Pública.

Recorde-se que a anteceder esta celebração, os Escoteiros de Portugal realizaram o 25º Acampamento Nacional da sua história, que decorreu de 29 de Julho a 3 de Agosto e no qual contaram com a presença de mais de 2300 escoteiros, não só portugueses, mas também de países como Ucrânia, Israel, Luxemburgo, Bélgica, França e São Tomé.

No acampamento receberam também a visita do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, com uma ligação de proximidade aos Escoteiros de Portugal através do seu pai, antigo dirigente desta associação.

Sobre a Associação dos Escoteiros de Portugal:

Os Escoteiros de Portugal são uma associação educativa para jovens, sem fins lucrativos, reconhecida de utilidade pública.

Os Escoteiros de Portugal são a organização juvenil portuguesa mais antiga, contando com mais de 13 mil jovens, em cerca de 150 unidades locais, espalhadas por todo o Continente e Regiões Autónomas. Mais de 300 mil pessoas já foram escoteiras em Portugal.

Os Escoteiros de Portugal são membros fundadores da Federação Escotista de Portugal, que é composta pelas duas únicas associações escotistas nacionais reconhecidas internacionalmente e estão inseridos no maior movimento para jovens de todo o mundo, através da Organização Mundial do Movimento Escotista (WOSM), que congrega mais de 30 milhões de escoteiros, jovens e adultos, rapazes e raparigas, em 216 países e territórios.

Mais informações:

www.escoteiros.pt

Facebook/escoteirosdeportugal

Facebook Comments

Comentários no Facebook