Mãe agride funcionária acusada de bater no filho em creche

Mãe agride funcionária acusada de bater no filho em creche

427
PARTILHE
A menor era frequentemente vista sozinha enquanto a mãe ingeria bebidas alcoólicas (Foto D.R.)
A GNR está a investigar o caso (Foto D.R.)

Uma mãe de um menor de cinco anos, inscrito na creche de Santa Casa da Misericórdia, em Castro Marim, acusa uma auxiliar de educação de ter agredido o seu filho. A progenitora chegou mesmo a agredir a funcionária, em via pública, enquanto esta se dirigia para casa, acompanhada pela sua neta.

Segundo o Correio da Manhã, a agressão ocorreu na tarde de dia 28 de Agosto, na rua São João de Deus, em Castro Marim. A funcionária sofreu puxões de cabelos e estaladas. A neta, de cinco anos, tentou impedir a agressora, acabando por ficar ferida num braço.

Ainda segundo a mesma fonte, a progenitora acusa a auxiliar de ter batido no seu filho, enquanto este lavava os dentes, na creche.

O responsável da instituição, José Cabrita, afirmou, ao mesmo meio de comunicação, que um caso destes é “inédito”, uma vez que em 20 anos nunca houve qualquer queixa à auxiliar em questão.

A queixa de agressão à funcionária e à sua neta já foi entregue à GNR, que se encontra a investigar o caso.

(Maria Simiris/ Henrique Dias Freire com Correio da Manhã)

Facebook Comments

Comentários no Facebook