Casa de Odeleite atrai turismo ao concelho de Castro Marim

Casa de Odeleite atrai turismo ao concelho de Castro Marim

198
PARTILHE
A Casa de Odeleite integra um espaço de exposição e um centro de documentação com arquivo gastronómico (Fotos: D.R.)

A Casa de Odeleite, principal entreposto comercial da aldeia e freguesia de Odeleite na primeira metade do século XX, foi transformada após obras de requalificação levadas a cabo pela autarquia castromarinense num polo de desenvolvimento turístico do concelho, integrando um espaço de exposição e um centro de documentação com arquivo gastronómico.

Adquirida pela Câmara de Castro Marim em 1999 e inaugurada em 2012, a antiga casa de João Xavier de Almeida integra um edifício de dois andares, com área residencial, no qual foram recriados ambientes como as áreas da adega, casa do azeite do vinho e do queijo, casa do forno, sala de costura e armazém de milho e alfarroba, entre outros espaços.

Com o intuito de conferir vida própria e dinamizar turisticamente esta casa agrícola, a NovBaesuris – Empresa Municipal tem vindo a desenvolver um conjunto de acções que visam a divulgação e promoção do interior do concelho de Castro Marim, mas também da sub-região do Baixo Guadiana.

Visitantes podem adquirir ana loja os produtos da região

Entre as inúmeras iniciativas realizadas pela Empresa Municipal na Casa de Odeleite destacam-se aquelas que exercem maior atractividade nos visitantes que demandam à aldeia presépio, designadamente O Mercadinho na Aldeia, O Acontece, As Provas Gastronómicas ou as Visitas Turísticas.

- Pub -

Com periodicidade mensal, O Mercadinho na Aldeia acontece no primeiro domingo de cada mês, reunindo mais de uma dezena de produtores e artesãos da região algarvia e visa a promoção e comercialização dos saberes tradicionais, isto sem esquecer os Passeios por Odeleite organizados pela Alemvila Tours. Já O Acontece é um evento eminentemente cultural destinado à divulgação de atividades culturais, que vão desde a literatura à música, passando pela pintura.

Quanto às Provas Gastronómicas, que se realizam com bastante regularidade, os visitantes além de degustarem o afamado pão cozido em forno de lenha, o mel de rosmaninho, o queijo de cabra da raça algarvia ou os saborosos enchidos, podem ainda participar nos ateliês do pão. No que se refere às Visitas Turísticas, os visitantes de várias nacionalidades são convidados a descobrir a Casa, outrora a mais rica da freguesia e hoje um autêntico museu, com a possibilidade de adquirirem na loja ai existente produtos tais como, licores, compotas, mel, bolos tradicionais, sal e flor de sal ou peças de artesanato, nomeadamente cestaria e empreita.

As Provas Gastronómicas realizam-se com bastante regularidade

Segundo Célia Brito, presidente do Conselho de Administração da NovBaesuris, “a Casa de Odeleite é um marco histórico na vida sócio-económica da comunidade de Odeleite. É a partir da memória desta casa típica da serra, que a empresa municipal está a empreender uma política estratégica de dinamização turística do interior do concelho, baseada no incremento dos recursos endógenos, que potencie a criação de emprego e reforce o tecido social por forma a combater a desertificação e o despovoamento, que constituem sérios bloqueios e estrangulamentos ao desenvolvimento sustentável de um território que queremos moderno e atrativo”.

A Casa de Odeleite está aberta ao público de segunda a domingo, das 9 às 17 horas. A entrada livre e o contacto telefónico é 281 495 843.

Facebook Comments

Comentários no Facebook